Acne em idade adulta

Leitora está preocupada com acnes que reapareceram agora, quando ela tem 25 anos

Como Lidar - 22/11/2018 09h00

“Na minha adolescência, tive bastante espinhas. Mas saíram depois dos meus 16 anos. Hoje, tenho 25, e tem voltado tudo de novo. Como lidar com a acne tardia?”

Helena Rocha

Resposta:

Olá, leitora!

Para começar, cuidados diários com a pele é o básico para sua saúde. Lave e hidrate o rosto todos os dias com os produtos específicos para a região. No caso da pele oleosa, que é a que produz mais acnes, não adianta apenas lavar. Há quem ache que se passar hidratante, a pele ficará mais oleosa, mas não é verdade. Por isso, procure o creme ou mousse feito para esse tipo de pele.

A alimentação faz toda diferença em nossa pele também. Evite comidas muito gordurosas, principalmente frituras. Uma dieta balanceada e saudável é a melhor saída, sempre. Não em questões de peso, mas na saúde da pele.

Procure um médico, especificamente um ginecologista ou um dermatologista, para analisar suas taxas hormonais. Pode ter algo desregulado que esteja estimulando a produção de espinhas. A acne aparece em qualquer idade. A fase em que ela fica mais visível é na adolescência, quando os hormônios passam por uma transição.

O médico vai poder examinar e te dizer se está tudo em ordem com a parte hormonal, e caso não esteja, ele pode te indicar um tratamento adequado. Dependendo do nível de acne, existem tratamentos mais leves e outros mais pesados, como o famosos Roacutan.

Giulia Castro é esteticista, maquiadora, designer de sobrancelhas e professora na área da beleza com formação no Senac/RJ. É proprietária do espaço de beleza Studio Castro.

COMO LIDAR tem o propósito de servir como ferramenta de esclarecimento e apoio aos leitores apresentando perguntas e respostas, sobre variados temas.

Se você tem alguma questão ou dúvida que precise da explicação de um profissional, envie para redacao@plenonews.com.br


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo