Leia também:
X #19 Cristão pode ir a um jogo de futebol?

Cores & Flores

Algumas tendências no uso das cores, com toda a influência que elas possuem, podem ser emprestadas do mundo da moda para nossos arranjos de flores

Bia Sartori - 04/09/2020 15h32

Depois de um longo tempo de #ficaemcasa, com as boas notícias de um certo controle da pandemia, sem muito otimismo, mas com muito realismo, vamos nos abrindo aos poucos. Sair, por enquanto, pelo menos para mim, só por necessidades do trabalho e de compras de suprimentos, regados de planejamento e adubados com cautela.

O clima está esquentando um pouco, o sol nos convida para fora. Mas, como ainda não podemos usufruir de todas as áreas livremente, vamos reformulando nossa mente, nosso comportamento e preparando nossa casa para tempos menos tristes.

Para quem mora em casa, sair no quintal ou jardim, já faz muita diferença. Nestes cinco meses que fiquei morando em casa, no litoral, fui me habituando a fazer “rondas” no jardim, para observar os brotos de algumas plantas… Uma felicidade quando as flores começavam a aparecer e colorir a paisagem! Observar os pássaros, seus horários de fazer uma visita. O beija-flor que me dava bom dia na porta da cozinha ou interrompia meu trabalho na varanda.

No momento, estou de volta ao meu apartamento, ouvindo a algazarra das araras que moram em um bosque, que também é um mini-zoo. E misturado aos verdes das copas das árvores, aparecem alguns prédios, sons de buzina, ambulância, roncos de motores das mais variadas potências… Que mistura!

Então, minhas poucas violetas, suculentas e cactos se tornaram poucos aqui dentro! Trazer um pouco da atmosfera da natureza para dentro de casa, agora parece necessidade. Colorir meu mundo de verdes e flores virou ideia fixa! Lembrei que já escrevi sobre trazer a natureza para dentro de casa com os jardins verticais. E agora minha vontade é comprar um vaso grande, com uma planta mais alta e vistosa para ficar perto da janela, no meu canto de leitura.

Minha mesa de jantar, tão charmosa, pede vida! Pede um arranjo com flores, pede perfume suave! Vontade de trocar as capas das almofadas do assento das cadeiras. Vontade de deixar a mesa preparada para acolher!

Algumas tendências no uso das cores, com toda a influência que elas possuem, podem ser emprestadas do mundo da moda para nossos arranjos de flores.

Conforme os brotos vão surgindo, as flores colorem nossa paisagem, nosso olhar vislumbra a força da natureza que se renova, que explode sem pedir licença. E nosso interior é influenciado a se renovar, cultivar novos hábitos, reorganizar rotinas e experimentar o novo.

Um bom hábito que cultivei, foi colocar o despertador para tocar no final do dia: Hora de parar o trabalho formal, dizer chega! Tomar banho, ler e meditar um pouquinho antes de encarar a jornada da noite. Achou que eu ia dormir? Não! Hora de trabalhar um pouquinho mais no computador. Na tela, não tem projeto, 3D, documento e nem textos. São pessoas que com suas vidas cheias de cores e sombras participam da minha vida e eu da vida delas, em relacionamento de confiança profissional, amizade e descobertas.

E você? Como está colorindo sua vida? O que está surgindo de novo?

Bia Sartori , designer de interiores formada pelo SENAC e pós-graduada pelo IPOG; personal organizer formada pela OZ!, pedagoga com especialização em Orientação Educacional pela PUCC.
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.