Leia também:
X #forcacovid é a esquerda espumando ódio

O dinheiro na vida a dois

O primeiro passo é entender a forma como cada um enxerga e usa o dinheiro no dia a dia

Aline Rodrigues - 07/07/2020 11h54

Dinheiro por si só já é um desafio para muita gente sozinho e quando une, então, duas visões diferentes, se não houver comunicação, clareza, sintonia e planejamento, pode ter certeza de que resultará em muito estresse financeiro.

Duas vidas, duas formas de criação, exemplos e experiências financeiras distintas ao se unirem podem gerar divergências de visões e valores financeiros. Mas fique tranquilo, pois tudo tem uma solução. E a solução inicial é comunicação e transparência.

O primeiro passo é entender a forma como cada um enxerga e usa o dinheiro no dia a dia para que possam se conhecer mais e definir as melhores formas de unir ou não as finanças.

Outro ponto é a questão da definição dos pagamentos das contas e a forma como será conduzido a gestão financeira na vida a dois. Algumas pessoas optam pela definição de quem paga qual conta, já outras buscam o proporcional de acordo com a renda do casal (que é uma opção muito interessante).

Engana-se quem quer misturar tudo, pois dependendo do perfil das pessoas, um tende a se privar mais em relação a gastos pessoais

Essa definição é fundamental para o entendimento do que é dinheiro para casa, lazer e vida a dois e qual é a parte individual de cada um.

Engana-se quem quer misturar tudo, pois dependendo do perfil das pessoas, um tende a se privar mais em relação a gastos pessoais e isso no longo prazo não é saudável.

Ter uma individualidade financeira no relacionamento é muito importante, mas essa individualidade precisa estar conectada com a realidade dos gastos e prioridades na vida a dois.

Definir também um dia do mês para conversar e planejar as contas ajuda e muito na sintonia e na melhor organização dos recursos financeiros para usar no dia a dia, para criar reservas de consumo futura e para a aposentadoria.

Pensem sobre isso e busquem otimizar a relação no dinheiro no dia a dia.

Aline Rodrigues é graduada em Administração, consultora financeira e educadora financeira, profissional no mercado financeiro há 7 anos, atua como CEO da Finapse.
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.