Leia também:
X Quando poderei reabrir minha igreja?

A importância da reserva financeira de emergência

Busque, no mínimo, alcançar 3 meses de reserva

Aline Rodrigues - 26/05/2020 09h47

Ter segurança financeira é algo que todos querem, mas são poucos os que realmente vão atrás dela. A segurança financeira vem da sua capacidade de pagamento das contas sem a necessidade imediata de entrada de recursos, ou seja, depende do seu saldo em reserva.

A atual pandemia, quarentena e consequente paralisação do comércio fez muita gente perceber a real importância de se ter uma reserva financeira para não contar apenas com o salário ou renda mensal de um negócio. Essa questão não pode ser deixada de lado, pois na vida podemos ter inúmeras crises, contratempos, imprevistos, novos sonhos e metas que sem uma reserva financeira serão impactados negativamente.

Mas por onde começar se o dinheiro não sobra?

O dinheiro nunca sobra mesmo e a reserva financeira, se não for planejada nunca, será o suficiente. Por isso, a tão sonhada reserva precisa se transformar em meta, em uma obrigação mensal.

É preciso avaliar sua balança financeira, para onde o dinheiro está sendo direcionado, de que forma, que áreas da vida estão tendo maior peso e que áreas estão sendo esquecidas e, claro, sua meta de reserva precisa estar dentro do seu orçamento. Busque, no mínimo, alcançar 3 meses de reserva (valor equivalente ao pagamento das contas mensais de grande importância). Sem dúvida, esse é o seu passo inicial.

Não há necessariamente um valor perfeito ou limite para a reserva de emergência. Você pode limitar de acordo com a sua realidade financeira e perspectivas. Via de regra, ter 1 ano de reserva para o pagamento das contas será de grande ajuda. Mas é necessário equilíbrio até nesse momento, visto que após alcançar os 3 meses iniciais você terá desejos de conquistar algumas coisas a curto prazo.

Quando falamos de reserva de emergência estamos falando de um recurso que servirá de suporte para os meses onde a renda será afetada caso ocorra a impossibilidade de recebimento ou quebra na renda mensal e ela, sem dúvidas, em algum momento da vida, acaba sendo necessária e importante.

E você? Percebe a importância de ter uma reserva de emergência? Por qual motivo ainda não começou? Derrube as barreiras e faça mais pela sua paz e segurança financeira.

Aline Rodrigues é graduada em Administração, consultora financeira e educadora financeira, profissional no mercado financeiro há 7 anos, atua como CEO da Finapse.
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.