Leia também:
X Diretor de Pantera Negra é preso por engano como ladrão

Zelensky alerta para ‘milhões de mortos’ sem apoio internacional

Presidente ucraniano apela por fornecimento de apoio aéreo

Pleno.News - 09/03/2022 19h48

Presidente Volodymyr Zelensky fez novo apelo à comunidade internacional Foto: EFE/EPA/UKRAINIAN PRESIDENTIAL PRESS SERVICE HANDOUT

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que milhões de pessoas podem morrer se os países ocidentais não fornecerem apoio aéreo contra a invasão russa e “fecharem” os céus da Ucrânia.

– No futuro será tarde demais. Acreditem, se continuar assim, verão como eles vão acabar fechando o céu, mas vamos perder milhões de pessoas – disse Zelensky em entrevista transmitida hoje pela emissora britânica Sky News.

– Não podemos parar isso sozinhos, isso só acontecerá se o mundo se unir em torno da Ucrânia – acrescentou o presidente, considerando que a unidade está avançando “muito lentamente”.

Ele também lamentou a morosidade na reação internacional.

– Ontem o mundo não fez nada, sinto muito, mas é verdade – disse Zelensky. Os aliados da Otan deveriam “pedir desculpas” aos ucranianos que perderam seus filhos por “não terem feito isso ontem, há uma semana”, afirmou.

Falando sobre o cerco da cidade de Mariupol, ele acusou a Rússia de tratar seus habitantes como “animais” e bloquear o acesso a comida e água.

– Se (os países ocidentais) estão unidos contra o nazismo e contra esse terror, eles devem fechar (o espaço aéreo ucraniano). Não espere que eu peça tantas vezes, milhões de vezes. Feche o céu – disse.

Questionado sobre a possibilidade da guerra se espalhar para além da Ucrânia, Zelensky afirmou: “A Terceira Guerra Mundial começará e só então eles farão uma zona de exclusão aérea, mas será tarde demais”.

*EFE

Leia também1 EUA creem que Rússia sofrerá "derrota estratégica" na Ucrânia
2 'Bárbaro!' EUA condenam ataque a maternidade na Ucrânia
3 EUA e Reino Unido dizem que vão isolar a Rússia ainda mais
4 Presidente Zelensky admite que pode desistir da adesão à Otan
5 Ucrânia acusa Rússia de bombardear maternidade

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.