CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Embaixador britânico nega participação em atos no Irã

Venezuela aumenta salário mínimo, mas ele só vale R$ 15

Valor é suficiente para comprar apenas um quilo de carne

Paulo Moura - 12/01/2020 10h48 | atualizado em 12/01/2020 10h53

Prateleiras vazias na Venezuela Foto: EFE/Miguel Gutiérrez

A grave, e interminável, crise econômica pela qual passa a Venezuela é fato conhecido em todo o mundo. A migração de milhões de venezuelanos para os países vizinhos, entre eles o Brasil, retrata bem a realidade da nação bolivariana.

Mais um sinal de que o país tem sérios problemas foi percebido com o último anúncio de reajuste do salário mínimo feito pelo regime de Nicolás Maduro.

Com os decretos publicados no Diário Oficial venezuelano da última quinta-feira (9), os ganhos mínimos na Venezuela passaram para 250 mil bolívares por mês.

A cifra, porém, apesar de ter vários zeros, não vale quase nada. Atualmente, esse valor é o equivalente a apenas R$ 15,14. Como a economia do país vizinho sofre com a hiperinflação, o reajuste é simplesmente eliminado com a variação nos preços dos itens básicos.

Para se ter uma ideia da dificuldade dos cidadãos de viver com essa quantidade de dinheiro, basta dizer que esse valor é suficiente para comprar apenas uma caixa de ovos e cerca de 100 gramas de queijo branco, ou pouco mais de um quilo de carne.

A inflação, maior vilão dos venezuelanos, era de assustadores 13.476% até o último mês de novembro. O último relatório do Banco Central do país, emitido em novembro de 2019, mostrou um aumento nos preços de 4.679,5%.

Leia também1 EUA anunciam suspensão de voos fretados a Cuba
2 Chavistas impedem Guaidó de participar de votação
3 Eduardo Bolsonaro rebate jornalistas do Grupo Globo

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo