Leia também:
X Vaca impede pouso de dois voos internacionais na Índia

Templo é demolido na China e cristãos temem perseguição

Em menos de um mês, esta já é a segunda igreja destruída pelas forças do governo comunista

Gabriela Doria - 11/01/2018 16h40 | atualizado em 11/01/2018 17h13

Uma grande templo evangélico foi demolido, nesta quarta-feira (10), na cidade de Linfen, em Shanxi, na China. Com essa destruição, autorizada pelo governo comunista, já é o segundo templo cristão derrubado em menos de um mês, em Shanxi. Em dezembro, uma igreja católica também veio abaixo, levantando o temor de uma onda de perseguição aos cristãos residentes no país, que somam 60 milhões de pessoas.

Igreja foi demolida com escavadeiras e dinamites, denunciam ativistas Foto: Divulgação/China Aid

De acordo com a agência Associated Press, testemunhas que estavam no local denunciaram que homens da Polícia Armada do Povo derrubaram a igreja de Golden Lampstand usando escavadeiras e dinamites. Autoridades do governo negaram a demolição, mas a ONG Cristã ChinaAid, situada nos Estados Unidos, divulgou imagens das ruínas do templo evangélico.

A congregação de Golden Lampstand reúne cerca de 50 mil fiéis na China. Assim como a Lampstand, pequenas congregações são comuns no país comunista e têm sido alvo de perseguições do partido oficial. As religiões cristãs são vistas como inimigas dos valores comunistas e, segundo o Partido Comunista, são ameaças à ordem social.

Leia também1 Bolívia pode aprovar projeto que criminaliza evangelização
2 Feliciano critica Bolívia em querer criminalizar religiosos
3 Gregos solicitam remoção de estátua que seria de Lúcifer

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.