Leia também:
X Coração esquecido em aeronave causa transtorno em voo

Secretário-geral da ONU anuncia trégua no Iêmen

Guerra no país era travada contra grupo rebelde apoiado pela coalizão árabe

Pleno.News - 13/12/2018 16h12 | atualizado em 13/12/2018 17h30

ONU anuncia trégua entre o governo do Iêmen e os rebeldes houthis Foto: EFE/Pontus Lu Ndahl

Quatro anos desde o início dos conflitos entre o governo do Iêmen e os rebeldes houthis, o secretário-geral da ONU, António Guterres, anunciou o término das consultas de paz, nesta quinta-feira (13), na Suécia. Também foi feito um acordo para a retirada de todas as tropas na cidade portuária de Al Hudaydah. Dessa forma, o controle passa para as forças locais do estratégico porto no Mar Vermelho.

O compromisso promete melhorar as condições de vida de milhões de iemenitas e permitirá a abertura de corredores humanitários. No final de janeiro, acontecerá a próxima rodada de contatos entre os dois grupos, que será realizada em um lugar ainda a ser definido.

Guterres destacou que Al Hudaydah era uma questão que precisava ser resolvida em prol do avanço no processo. Ambas as partes mostraram vontade de conseguir a paz no futuro.

Iniciada no fim de 2014, a guerra no Iêmen contra os houthis se generalizou em março de 2015. O grupo rebelde recebeu apoio da coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita. Isso resultou, segundo a ONU, na pior crise humanitária do mundo atual.

* Com informações da Agência EFE

Leia também1 Ministério do Turismo lança guia contra pedofilia
2 Cardeal é considerado culpado por crimes de pedofilia
3 Operação busca deter policiais por venda de carne roubada

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.