Leia também:
X Ministro da Economia da Argentina renuncia ao cargo

Rompimento de geleira deixa mortos e feridos na Itália

Tragédia ocorreu neste domingo

Pleno.News - 03/07/2022 19h17 | atualizado em 03/07/2022 19h25

Rompimento de geleira deixa ao menos 6 mortos e 8 feridos nos Alpes italianos Foto: EFE/ Salvamento Alpino del Veneto

Neste domingo (3), seis pessoas morreram e oito ficaram feridas, uma delas gravemente, após o rompimento de uma parte da geleira de Marmolada, nas Dolomitas, nos Alpes italianos. Não está descartado que várias pessoas estejam desaparecidas, segundo confirmaram à Agência EFE fontes da equipe de salvamento que atua na região do Vêneto.

A área está sendo evacuada de forma preventiva caso ocorram novos deslizamentos de terra e a busca por possíveis vítimas.

O conselheiro regional de proteção civil de Vêneto, Gianpaolo Bottacin, relatou que pode haver dez pessoas desaparecidas, mas esta informação ainda não foi confirmada, assim como não foi divulgada a nacionalidade dos mortos e feridos.

O rompimento teria ocorrido perto de Punta Rocca, na rota de subida do percurso normal para chegar ao cume onde se encontravam vários montanhistas.

Os corpos das vítimas retirados da massa de gelo foram transferidos para o ginásio esportivo da cidade vizinha de Canazei e uma equipe de psicólogos foi acionada para atender os familiares.

O trabalho de resgate é complicado porque existe o temor de mais deslizamentos de terra, mas cinco helicópteros e unidades caninas foram mobilizados na região com o objetivo de verificar a presença de outras pessoas.

Enquanto os feridos, um deles em estado crítico, foram transferidos para hospitais de Trento, Bolzano, Belluno e Treviso.

Precisamente ontem, em Marmolada, foi atingida uma temperatura recorde, com cerca de 10 graus no topo, explicou o presidente da região do Vêneto, onde se localiza parte do grupo montanhoso de Marmolada.

Segundo depoimentos, o pedaço de geleira partiu dois pontos e gerou um deslizamento de quase 300 metros de largura que devastou tudo em seu caminho.

– Ouvimos um barulho alto, típico de um deslizamento de terra, depois vimos uma espécie de avalanche de neve e gelo descendo em grande velocidade e então percebi que algo grave havia acontecido. Com binóculos você pode ver a ruptura daqui – explicou à imprensa um dos gerentes do abrigo Castiglioni Marmolada, que presenciou o acidente.

*EFE

Leia também1 Ministro da Economia da Argentina renuncia ao cargo
2 Tiroteiro em shopping deixa mortos e feridos na Dinamarca
3 Bezos critica pedido de Biden para que postos reduzam preços
4 Cantor Ricky Martin é alvo de acusação de violência doméstica
5 Adele sobre ter emagrecido: "Fiz em silêncio por mim mesma"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.