Leia também:
X Brasil e EUA assinam acordo por uso da base de Alcântara

EUA: Embaixador de Guaidó assume sedes diplomáticas

Carlos Vecchio representa o governo de Juan Guaidó

Ana Luiza Menezes - 18/03/2019 19h45 | atualizado em 19/03/2019 12h00

Nesta segunda-feira (18), Carlos Vecchio, embaixador de Juan Guaidó nos Estados Unidos, assumiu três sedes diplomáticas entre os americanos. Duas sedes militares estão em Washington e a outra é o consulado venezuelano em Nova Iorque.

Nas redes sociais, o representante publicou fotos e declarações sobre a ação apoiada pelo governo dos EUA. Nos próximos dias, outros consulados deverão ser assumidos pela equipe de Guaidó.

Também há previsão de que os serviços para cidadãos venezuelanos em solo americano serão reativados de forma progressiva.

No Twitter, Carlos se referiu a Nicolás Maduro como usurpador. Ele também afirmou que o líder chavista representa o passado.

– Com o presidente Juan Guaidó, seguimos avançando, em recuperação e proteção dos direitos de todos os venezuelanos. Dói em nós a destruição que a ditadura causou à Venezuela, mas não tenham dúvidas de que vamos construir [a nação] – afirmou ele, em uma publicação.

Vecchio recebeu a bandeira venezuelana e a cadeia de comando das mãos do coronel José Luis Silva que, como adido militar da embaixada da Venezuela, declarou no início deste ano que tinha optado por ser leal a Guaidó, rompendo com Maduro.

O governo americano foi o primeiro a reconhecer a liderança de Guaidó após ele ter se declarado presidente interino da Venezuela, em janeiro.

Leia também1 Decreto que libera turistas de visto é publicado no DOU
2 Rainha Elizabeth nega pedido de príncipe Harry e Meghan
3 Ciclone destrói universidade cristã em Moçambique

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.