Leia também:
X EUA: Biden nomeia transexual para equipe de transição

Trump anuncia pedido de ‘uso emergencial’ da vacina da Pfizer

Republicano surpreendeu e não mencionou eleições presidenciais

Gabriela Doria - 13/11/2020 18h57 | atualizado em 13/11/2020 19h01

Presidente Donald Trump fez pronunciamento sobre vacina da Covid-19 Foto: EFE/Chris Kleponis

O presidente Donald Trump afirmou, em discurso nos jardins da Casa Branca, nesta sexta-feira (13), que irá pedir uma autorização emergencial para a distribuição da vacina da Pfizer contra a Covid-19.

Ele disse que profissionais de saúde, idosos e outros americanos do grupo de risco devem receber a dose do imunizante em questão de “semanas”.

– A Pfizer anunciou que sua vacina é mais que 90% eficaz. Nós temos outras vacinas vindo, que serão do mesmo nível ou mais, se possível. […] A distribuição será feita sem custos. Estamos trabalhando para obter uma autorização de emergência, o que vai acontecer muito em breve. Nosso governo vai coordenar a distribuição da vacina e esperamos que será aprovada muito rapidamente – prevê Trump.

O presidente disse ainda que seu governo trabalhou para entregar a vacina em tempo recorde, e que isto deve acontecer em menos de um ano desde o início dos estudos. Segundo ele “se fosse outro governo” a vacina “levaria pelo menos três anos” para ficar pronta.

Frustrando a expectativa dos presentes, Donald Trump não fez menção alguma às eleições ou ao seu rival, o democrata Joe Biden, que, segundo as projeções, já tem delegados suficientes para ser eleito presidente dos EUA. Donald Trump e sua campanha abriram inúmeros processos na Justiça contestando a contagem de votos e afirmando que há irregularidades no pleito.

Leia também1 EUA: Biden nomeia transexual para equipe de transição
2 Washington: Trump diz que pode ir a manifestação em seu apoio
3 Mourão diz que vitória de Biden está "cada vez mais irreversível"
4 Em plano de governo, Biden visa financiar iniciativas pró-aborto
5 Bolsonaro ironiza "vitória" de Joe Biden: 'Já acabaram as eleições?'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.