Leia também:
X Nicolás Maduro diz que nunca se dobrará e convoca militares

Tensão na fronteira: Conflitos na Venezuela em fotos e vídeo

Ajuda humanitária tenta atravessar bloqueios de militares de Maduro

Camille Dornelles - 24/02/2019 13h19 | atualizado em 24/02/2019 14h14

Pelo terceiro dia seguido, neste domingo (24), as fronteiras da Venezuela com a Colômbia e o Brasil amanheceram fechadas. os caminhões com ajuda humanitária tentam chegar ao país, mas enfrentam o bloqueio de militares apoiadores de Nicolás Maduro.

Até agora, foram contabilizadas quatro pessoas mortas nos conflitos. Na cidade de Santa Elena, lado venezuelano da fronteira com o Brasil, cinco ficaram feridos. Eles receberam auxílio para serem atendidos em hospitais brasileiros.

Dois sargentos da Guarda Nacional Bolivariana desertaram as tropas de Maduro e se refugiaram em Pacaraima, Roraima. O clima na cidade é de tranquilidade neste domingo. Na fronteira colombiana, porém, há muita tensão.

Leia também1 Venezuela: 1º caminhão com ajuda brasileira chega à divisa
2 Segundo caminhão com ajuda humanitária chega à fronteira
3 Nicolás Maduro diz que nunca se dobrará e convoca militares

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.