Leia também:
X Brasileiro morre esfaqueado em briga de trânsito na Holanda

Randolfe vai receber honraria francesa concedida por Macron

Comenda já foi dada a brasileiros como Dom Pedro II, Fernando Henrique Cardoso, Roberto Marinho e Paulo Coelho

Paulo Moura - 21/07/2021 08h10 | atualizado em 21/07/2021 09h30

Randolfe receberá comenda concedida por Macron Foto: Reprodução

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, vai receber a comenda francesa Légion d’honneur, considerada a maior distinção dada pela França. A honraria será concedida pelo presidente francês, Emmanuel Macron.

De acordo com o governo francês, a comenda será dada ao político brasileiro por sua “defesa fervorosa” do meio ambiente e do Acordo de Paris, “como ilustra seu forte comprometimento com a luta pela preservação das reservas na Amazônia”, segundo comentou o governo do país europeu.

A homenagem coloca lado a lado dois dos principais desafetos políticos do presidente Jair Bolsonaro. O chefe de Estado francês, em razão dos frequentes ataques ao governo brasileiro em assuntos relacionados à conservação da Amazônia, e o senador brasileiro, por conta de sua forte oposição a Bolsonaro, especialmente atuando como vice-presidente da CPI da Covid.

No Brasil, já receberam a Légion d’honneur personalidades como Dom Pedro II, Fernando Henrique Cardoso, Roberto Marinho e Paulo Coelho. Randolfe Rodrigues é o único brasileiro e o único político que receberá a comenda este ano. Ele recebeu carta assinada por Gilles Pecassou, encarregado de Negócios da Embaixada da França no Brasil, com a notícia.

Leia também1 Flávio aciona Renan na PGR por abuso de autoridade na CPI
2 Randolfe abre queixa contra Bolsonaro por 'difamação'
3 Lula exalta CPI e diz que será 'impeachment ou interdição'
4 Aziz ameaça Bolsonaro: 'A onça vai pegar o macaco guariba'
5 Macron e mais 13 líderes tiveram os celulares hackeados

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.