Leia também:
X Contra Covid-19, França fecha comércio e limita deslocamentos

Oposição pede rejeição a Maduro na Cúpula Ibero-americana

Brasil participará da Reunião

Pleno.News - 18/03/2021 16h11 | atualizado em 18/03/2021 16h20

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela Foto: EFE/Miguel Gutiérrez

A oposição venezuelana pediu nesta quinta-feira (18) aos países que participarão da XXVII Cúpula Ibero-americana, que será realizada no dia 21 de abril, em Andorra, que ignorem a presença do presidente Nicolás Maduro, embora, por enquanto, sua participação não tenha sido oficialmente confirmada.

– Solicitamos respeitosamente que ignore a legitimidade da presença de Nicolás Maduro na Cúpula de Chefes de Estado e de Governo Ibero-Americanos de Andorra. O mundo livre não pode dar trégua a uma ditadura dessa natureza – diz uma carta do opositor Julio Borges, em sua conta no Twitter.

O ex-deputado, próximo do líder oposicionista Juan Guaidó, assegurou que enviou esta carta a Andorra “para rejeitar a eventual participação” de Maduro, a quem aponta ter cometido “práticas autoritárias”.

– A eventual participação de Nicolás Maduro nesta cúpula seria não apenas uma contradição aos princípios fundamentais que defendem as democracias ibero-americanas, mas um insulto às vítimas de graves violações dos direitos humanos na Venezuela – acrescentou Borges.

O oponente lembrou que o Tribunal Penal Internacional está realizando um exame preliminar sobre denúncias de violações de direitos humanos cometidas pelo governo Maduro e que os Estados Unidos ofereceram, em março do ano passado, uma recompensa de US$ 15 milhões pela captura do presidente, a quem acusam de narcoterrorismo.

– Portanto, trata-se de um indivíduo que não se enquadra nos valores democráticos defendidos pelas nações do mundo livre – disse Borges.

Participam da reunião os chefes de Estado e de Governo da Argentina, da Bolívia, do Brasil, da Colômbia, da Costa Rica, de Cuba, do Chile, do Equador, de El Salvador, da Espanha, da Guatemala, de Honduras, do México, da Nicarágua, do Panamá, do Paraguai, do Peru, de Portugal, da República Dominicana, do Uruguai, da Venezuela e de Andorra.

A XXVII Cúpula Ibero-americana seria realizada no ano passado em Andorra, mas, devido à pandemia, foi adiada para os próximos dias 21 e 22 de abril.

*EFE

Leia também1 Roberto Jefferson critica o STF e teme 'venezuelização' do Brasil
2 Contra Covid-19, França fecha comércio e limita deslocamentos
3 Queiroga quer "distanciamento social inteligente" contra a Covid
4 PM prende manifestantes do PT com faixa "Bolsonaro genocida"
5 Prefeitura ameaça homem que fez abrigo para população de rua

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.