Leia também:
X Índia: Abandonada no altar, mulher se casa com padrinho

NY: Candidato a prefeito é preso em protesto por George Floyd

Shaun Donovan já foi liberado pela polícia

Pleno.News - 25/05/2021 18h29 | atualizado em 25/05/2021 18h34

Shaun Donovan
Shaun Donovan foi secretário de Habitação do governo Obama Foto: Laurent Fox/Picryl

Um candidato a prefeito de Nova York, Shaun Donovan, foi detido nesta terça-feira (25) enquanto participava de uma manifestação em homenagem ao primeiro aniversário da morte de George Floyd, assassinado por um policial.

O ex-secretário de Habitação dos EUA durante o governo de Barack Obama foi algemado por agentes nesta manhã e, depois, liberado após permanecer detido por uma hora, por ter interrompido o trânsito em uma rua de Manhattan.

O político, que foi acusado de desordem pública, divulgou no Twitter vários vídeos nos quais aparece participando do protesto com outras pessoas e segurando um cartaz com a mensagem “justiça para George Floyd”. Também é possível ver o candidato ser algemado enquanto grita “as vidas dos negros importam”, mensagem também presente na camisa que ele vestia no ato.

Shaun Donovan, de 55 anos, está entre os candidatos menos cotados para vencer as eleições primárias de 22 de junho, de acordo com as pesquisas já realizadas.

– A justiça real é o motivo pelo qual nos ajoelhamos hoje durante nove minutos. Para que pais e mães de filhos negros não precisem se preocupar se os filhos vão voltar quando saem para fazer compras ou dar uma volta de carro – comentou Donovan, após ser liberado pela polícia.

A atual campanha eleitoral para as primarias do Partido Democrata, o favorito para ganhar a Prefeitura, é liderada pelo ex-pré-candidato presidencial Andrew Yang e pelo chefe do distrito do Brooklyn, Eric Adams.

*EFE

Leia também1 Presidente da previdência do BB renuncia ao cargo
2 Índia: Abandonada no altar, mulher se casa com padrinho
3 Garcia diz que Mayra Pinheiro "deu aula magistral" na CPI
4 Covid: Anvisa autoriza teste em humanos com soro do Butantan
5 Número de vítimas do massacre terrorista no Peru sobe para 16

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.