Leia também:
X Chernobyl: Ucrânia diz que russos roubaram substâncias

Na França, Macron e Le Pen vão reeditar segundo turno de 2017

Atual presidente e candidata de direita ficaram separados por uma diferença pequena no primeiro turno

Pleno.News - 11/04/2022 07h55 | atualizado em 11/04/2022 12h02

Macron e Le Pen disputarão segundo turno Fotos: EFE/EPA/Yoan Valat // EFE/EPA/Ian Langsdon

O presidente da França, o centrista Emmanuel Macron, e a candidata de direita Marine Le Pen disputarão o segundo turno das eleições presidenciais francesas. Isso, após se situarem nas duas primeiras posições no primeiro turno, realizado neste domingo (10), de acordo com os votos já contabilizados. A segunda rodada da votação ocorre no dia 24 de abril.

Com 97% dos votos apurados até a manhã desta segunda-feira (11), Macron tem 27,6% dos votos válidos contra 23,41% de Le Pen. Tanto a rival do atual presidente quanto o próprio Macron devem ter números melhores do que no primeiro turno do último pleito, realizado em 2017. Na ocasião, Le Pen ficou com 21,3% da preferência e Macron com 24%.

Entre os outros nomes participantes da eleição, o terceiro lugar ficará com o esquerdista Jean-Luc Mélenchon, que na terceira tentativa de ser eleito recebeu até o momento 21,95% dos votos. Número um pouco melhor do que em 2017. Já o outro candidato da direita, Éric Zemmour, deverá ficar em quarto lugar no primeiro turno, com 7% dos votos.

A eleição francesa deste ano deve ficar marcada com uma das mais baixas taxas de participação da história das eleições presidenciais. De acordo com as estimativas dos institutos publicadas mais de uma hora antes do fim da votação nas principais cidades a abstenção ficará entre 24% e 26,5%, entre dois e quatro pontos maior que em 2017, quando ficou em 22,23%.

*Com informações EFE

Leia também1 Taís Araújo critica o governo Bolsonaro: "4 anos infernais"
2 RJ: Irmão de agente da PRF é queimado vivo por traficantes
3 Santos se irrita com colunista e ameaça boicotar o UOL
4 Chernobyl: Ucrânia diz que russos roubaram substâncias
5 França: Macron diz que nada está decidido; Le Pen pede voto

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.