Leia também:
X Zambelli critica encontro entre Macron e Lula na França

Justiça dos EUA condena ‘Viking do Capitólio’ a 3 anos de prisão

A sentença é uma das mais severas aplicadas aos envolvidos na invasão

Pierre Borges - 17/11/2021 16h45 | atualizado em 17/11/2021 16h51

Viking do Capitólio conquistou o direito de ter acesso a alimentos orgânicos enquanto estiver preso Foto: EFE/EPA/Jim Lo Scalzo

O americano Jacob Chansley, de 34 anos, que ficou conhecido como o “viking do Capitólio” após as manifestações que impediram a certificação de Joe Biden como presidente dos Estados Unidos no dia 6 de janeiro, foi condenado nesta quarta-feira (17) a cumprir três anos e quatro meses de prisão.

Embora seja uma das punições mais severas aplicadas aos envolvidos na invasão do Capitólio, a sentença ainda é menor do que a sugerida pelos promotores, que defenderam uma pena de quatro anos e três meses. A sentença deve servir de referência para outros casos semelhantes.

Chansley foi indiciado dois dias após a manifestação, em 8 de janeiro, e já cumpriu 9 meses de prisão. Em setembro, ele confessou ser culpado pela obstrução de um processo oficial.

A invasão ao capitólio ocorreu em meio a protestos de apoiadores do ex-presidente Donald Trump que alegavam que as eleições americanas haviam sido fraudadas para favorecer Joe Biden. Devido às manifestações, parlamentares tiveram que fugir pelos fundos do Capitólio, e a oficialização de Biden como presidente ocorreu em 7 de janeiro, um dia após a invasão.

Ao todo, cinco pessoas morreram no episódio, incluindo um policial e uma veterana de guerra da Força Aérea americana. Além disso, mais de 100 policiais ficaram feridos.

Leia também1 'Por mim, Camila Queiroz nunca mais pisa na Globo', diz Walcyr
2 Em entrevista, Mourão diz ser contra privatização da Petrobras
3 Filha do piloto de Marília quer processar Cemig por acidente
4 Professor nega imoralidade em atração sexual por crianças
5 Zambelli critica encontro entre Macron e Lula na França

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.