Leia também:
X Vídeo: Homem atira cadeira em PMs durante festa clandestina

Covid: Fernández pede que Putin garanta entrega de vacinas

Presidentes conversaram por telefone, nesta segunda-feira

Pleno.News - 05/04/2021 15h41 | atualizado em 05/04/2021 15h54

Presidente da Argentina, Alberto Fernández Foto: EFE/Juan Mabromata

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, conversou por telefone nesta segunda-feira (5) com o líder russo, Vladimir Putin. O argentino voltou a pedir ajuda para “garantir a entrega regular de vacinas” ao país sul-americano, segundo fontes oficiais.

O diálogo ocorreu a pedido de Putin, que ligou para saber sobre o estado de saúde de Fernández, que testou positivo para Covid-19 no último dia 2 e já havia recebido duas doses da vacina russa Sputnik V.

Fernández agradeceu à Rússia e disse que está passando pela doença “suavemente e sem sintomas”, graças aos “efeitos positivos da vacina Sputnik V” desenvolvida pelo Instituto Gamaleya.

O presidente argentino, que recebeu a primeira dose em 21 de janeiro e a segunda em 11 de fevereiro, também ressaltou que os resultados da campanha de vacinação em seu país “são excelentes e sem efeitos adversos”.

Quanto ao pedido de um “envio regular de vacinas” à Argentina, Putin frisou que o fornecimento “continuará como combinado”, de acordo com um comunicado presidencial russo.

A Argentina já adquiriu 7.266.500 milhões de doses da vacina contra a Covid-19, a maioria delas vindas da Rússia (4.468.100).

Além disso, a conversa entre os dois presidentes incluiu um convite de Putin para que Fernández visite a Rússia, já que, além das questões de saúde, Putin deseja “continuar aprofundando as relações entre os dois países”.

De acordo com o último relatório da unidade médica presidencial, Fernández, que cumpre isolamento desde o dia em que testou positivo, está “estável”, “assintomático” e com “parâmetros dentro da normalidade”.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Presidente argentino anuncia que testou positivo para a Covid
2 2020: Índice de pobreza urbana na Argentina chegou a 42%
3 Em meio a empurrões e gritos, argentinos "lutam" por comida
4 Covid: HRW denuncia medidas abusivas na Argentina
5 Mercosul: Argentina e Uruguai expõem divergências

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.