Leia também:
X Professor foge após ameaças de alunas por charge com ‘profeta’

EUA: Nevada terá resultado de 51 mil votos nesta sexta-feira

Estado é fundamental para definir candidato vitorioso

Gabriela Doria - 05/11/2020 17h27 | atualizado em 05/11/2020 17h40

Nevada entregará resultado de 51 mil votos até esta sexta-feira Foto: EFE/Erik S. Lesser

O condado de Clark, no estado de Nevada, deve entregar nesta sexta-feira (6) o resultado da apuração de mais de 50 mil votos, dos 63 mil pendentes, enviados pelos correios. Ainda assim, o recebimento de votos segue até a próxima terça-feira (10), data limite para a chegada dos votos restantes. Não é possível afirmar quantas cédulas ainda irão chegar.

– Estamos preparados para contar 51 mil votos hoje e o resultado será divulgado amanhã [sexta-feira] às 10h (15h, em Brasília) – afirmou Joe Gloria, responsável pela apuração no condado.

De acordo com Gloria, como ainda poderão chegar votos até a próxima terça-feira, não há expectativas de conclusão da apuração antes da quinta-feira (12) da semana que vem.

– É importante a nação entender que essa quantidade de votos por correio é uma novidade para o estado de Nevada. Fizemos o melhor que pudemos, mas o processo está mais lento – declarou.

O funcionário rechaçou a possibilidade de fraude eleitoral e disse que o condado está trabalhando para evitar equívocos.

– Precisamos sempre atualizar nosso banco de dados para garantir que não haja votos duplicados por correio ou pessoalmente. Nosso objetivo não é a velocidade. É a precisão. Os resultados do estado são importantíssimos para o país – lembrou.

Nevada é um dos estados com apuração ainda em andamento que podem decidir as eleições presidenciais nos Estados Unidos. Segundo as projeções da imprensa americana, com 89% da apuração concluída, o democrata Joe Biden tem vantagem menor que 1 ponto percentual sobre o atual presidente, o republicano Donald Trump.

Na manhã desta quinta-feira, a campanha de Trump anunciou que irá à Justiça afirmando ter provas de que cerca de 10 mil eleitores que não residem mais em Nevada votaram. Na entrevista coletiva, Gloria negou irregularidades na apuração. Os republicanos também argumentam que em Nevada estão sendo contabilizados votos de pessoas que já morreram.

Leia também1 EUA: Militantes de esquerda protestam durante as eleições
2 EUA: Trump aciona a Justiça em 5 estados e quer parar apuração
3 EUA: Trump quer suspender contagem na Pensilvânia
4 Trump: 'Estão achando votos de Biden em todos os lugares'
5 EUA: Estados aproveitam eleição para votar uso e posse de drogas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.