Leia também:
X Round 6: Polícia alerta que placa em rua não tem a ver com a série

EUA: Ex-presidente Bill Clinton é internado para tratar infecção

TV norte-americana informou que ex-presidente foi hospitalizado em razão de uma infecção sanguínea

Pleno.News - 15/10/2021 09h23 | atualizado em 15/10/2021 09h33

Ex-presidente Bill Clinton Foto: EFE/Thais Llorca

O ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, de 75 anos, foi internado no início desta semana, segundo seu porta-voz Angel Urena. Em um comunicado divulgado na noite da quinta-feira (14), o porta-voz disse que o ex-presidente norte-americano está em recuperação, recebendo tratamento para uma infecção.

– Ele está se recuperando, de bom humor e é extremamente grato aos médicos, [às] enfermeiras e [à] equipe que lhe prestaram um excelente atendimento – disse Urena sobre o democrata.

A TV norte-americana informou na quinta-feira que Clinton foi internado na terça-feira (12) em razão de uma infecção sanguínea. Conforme os médicos que estão tratando o ex-presidente, ele foi internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para ter privacidade, mas não utilizou nenhum aparelho de respiração artificial.

Clinton está internado no Irvine Medical Center da Universidade da Califórnia. Uma segunda declaração do porta-voz do ex-presidente citou os médicos Alpesh Amin e Lisa Bardack, que disseram que o ex-presidente recebeu “antibióticos e fluidos intravenosos”.

– Depois de dois dias de tratamento, sua contagem de glóbulos brancos está diminuindo, e ele está respondendo bem aos antibióticos. A equipe médica sediada na Califórnia está em constante comunicação com a equipe médica do presidente em Nova York, incluindo seu cardiologista. Esperamos que ele volte para casa em breve – informou.

Natural do Arkansas, Clinton foi o 42º presidente dos Estados Unidos e governou entre 1993 e 2001. Depois que deixou a Casa Branca, o ex-presidente enfrentou problemas de saúde. Em 2004, ele foi submetido a uma cirurgia quádrupla de ponte de safena após sentir dores prolongadas no peito e falta de ar.

Clinton voltou ao hospital para uma cirurgia de um pulmão parcialmente colapsado em 2005 e, em 2010, teve um par de stents implantados em uma artéria coronária. Ele respondeu adotando uma dieta amplamente vegana que o fez perder peso e relatar uma melhora na saúde.

Repetidamente o ex-presidente voltou a fazer campanha para candidatos democratas, principalmente sua mulher, Hillary, durante sua tentativa fracassada de 2008 para a indicação presidencial. Em 2016, quando ela buscou a Casa Branca como candidata democrata, Clinton – então avô e com quase 70 anos – voltou à campanha.

*AE

Leia também1 Bolsonaro diz que chega a chorar sozinho e que Michelle nunca viu
2 MP se manifesta ao TSE contra cassação da chapa de Bolsonaro
3 Após mais de 40 dias detido no DF, Wellington Macedo é solto
4 Moraes manda periciar contas do PTB após denúncia de Eustáquio
5 Mudança na cobrança de ICMS é um "paliativo", diz Mourão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.