Leia também:
X Explosão deixa 20 mortos e 600 feridos na Guiné Equatorial

Ernesto confirma parceria entre cientistas de Israel e Brasil

Chanceler falou sobre a formação de uma rede entre cientistas brasileiros e israelenses para tratar do combate à Covid-19

Pleno.News - 08/03/2021 10h39 | atualizado em 08/03/2021 10h51

Ministro Ernesto Araújo Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro compartilhou em suas redes sociais nesta segunda-feira (8) um vídeo no qual o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirma que, em breve, irá começar a formação de uma rede entre cientistas brasileiros e israelenses para tratar do combate à Covid-19.

Ao lado do secretário de Pesquisa e Formação Científica do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), Marcelo Morales, e do secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Hélio Angotti Net, o chanceler brasileiro afirma que a reunião com o Instituto Weizmann “é um resultado muito importante na área do combate à Covid”.

Segundo o ministro, a curto prazo, haverá a formação de parceria entre cientistas do Brasil e de Israel “para tratar de diferentes aspectos do combate ao Covid”. Já a longo prazo, Araújo apontou que ficou acertada uma cooperação em outras áreas do conhecimento, a exemplo do meio ambiente.

– É esse tipo de contato que abre portas. A partir daqui, temos um processo em andamento – apontou o ministro.

Marcelo Morales afirmou que será realizada uma reunião entre pesquisadores da Rede Vírus, do MCTI, com o Instituto Weizmann. Segundo o secretário, os assuntos abordados serão “vacina, sequenciamento e novas drogas”.

De acordo com o secretário do Ministério da Saúde Hélio Angotti Neto, a perspectiva de trabalho a médio e longo prazo entre o instituto israelense e o Brasil irá envolver visitas entre os dois países de pesquisadores brasileiros e israelenses.

– Nós temos todo um parque industrial da saúde a ser desenvolvido e aprimorado, temos uma rede de pesquisadores para integrar com eles o Instituto Weizmann, e eles nos receberam de portas abertas com toda a experiência de know-how que eles têm de transferência tecnológica e toda essa vontade de fazer esse intercâmbio acadêmico – afirmou Angotti Neto.

No vídeo, Araújo ainda confirmou que, nesta segunda-feira, haverá uma reunião com o Centro Médico Sourasky, conhecido como Hospital Ichilov, que está desenvolvendo o tratamento de spray nasal contra a Covid-19.

– Vamos ver como está o desenvolvimento e como o Brasil pode estar junto no desenvolvimento muito promissor deste medicamento – comentou.

*Estadão

Leia também1 Bolsonaro x governadores: STF é pró-estados em 83% das ações
2 Assista: Damares parabeniza as leitoras do Pleno.News
3 Covid-19: Leite vai ao STF para obrigar União a pagar UTI no RS
4 Doria pede proteção policial de "bolsonaristas loucos"
5 Campanha do governo combate a violência contra a mulher

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.