Leia também:
X Esquerdista se cura com cloroquina e agradece Trump

Donald Trump detona vice de Joe Biden e dispara: “Horrível”

Após falar sobre escolha de Kamala Harris no Twitter, chefe de Estado voltou a fazer críticas contra a senadora em coletiva

Pleno.News - 12/08/2020 07h39 | atualizado em 12/08/2020 07h41

Trump detona escolha de vice na chapa de Joe Biden Foto: EFE/EPA/Jim Lo Scalzo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump criticou duramente a senadora Kamala Harris, que foi anunciada nesta terça-feira pelo candidato democrata à presidência do país, Joe Biden, para concorrer à vice-presidência em sua chapa nas eleições de 3 de novembro.

– Fiquei um pouco surpreso que ele a tivesse escolhido. Ela é a pessoa mais má, mais horrível, mais desrespeitosa do Senado – disse Trump a jornalistas na Casa Branca durante sua entrevista coletiva diária sobre as medidas do governo contra o novo coronavírus.

Antes, no Twitter, Trump já havia reagido ao anúncio da escolha de Kamala como candidata a vice. Ele postou um vídeo de sua campanha eleitoral a chamando de “falsa” e Biden de “lento”, além de afirmar que, juntos, eles são perfeitos, mas “errados para os EUA”.

O vídeo de 30 segundos posiciona a senadora como parte da esquerda radical, observando que ela apoiou a proposta de cobertura de saúde para todos feita pelo ex-candidato democrata Bernie Sanders, exigiu novos impostos e até atacou Biden por conotações racistas.

– Os eleitores rejeitaram Harris. Eles detectaram inteligentemente uma falsificação. Mas não Joe Biden. Ele não é tão esperto, ele se autodenomina um candidato de transição – diz o vídeo de Trump, que adverte ainda que o candidato está “entregando as rédeas a Kamala”.

Já na entrevista coletiva, Trump declarou que Harris, que foi procuradora geral da Califórnia, foi “extraordinariamente desagradável” para o juiz da Suprema Corte Brett Kavanaugh durante suas audiências de confirmação.

O juiz, indicado pelo presidente para a Suprema Corte, foi acusado em 2018 por uma mulher de estuprá-la, mas ela admitiu mais tarde que havia mentido para impedir sua confirmação. Durante as deliberações de confirmação, Harris disse que Trump entende a nomeação de juízes da Suprema Corte “como uma ferramenta para cumprir sua agenda”.

Trump observou ainda que Harris, que fazia parte de uma grande lista de pré-candidatos democratas, “foi muito mal nas primárias”, nas quais concorreu com o próprio Biden.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Esquerdista se cura com cloroquina e agradece Trump
2 Trump associa vice do rival Joe Biden à "esquerda radical"
3 Oportunista, rival de Trump põe mulher negra como vice
4 Trump: EUA terão que aprender chinês se Biden vencer
5 Homem baleado na Casa Branca planejava ataque

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.