Leia também:
X EUA restringem compras de equipamentos de Huawei e ZTE

Conservador Ebrahim Raisi vence eleição presidencial no Irã

Raisi era apoiado pelo líder supremo do país, o aiatolá Ali Khamenei

Paulo Moura - 19/06/2021 09h03

Ebrahim Raisi foi o vencedor das eleições no Irã Foto: EFE/EPA/Abedin Taherkenareh

O conservador Ebrahim Raisi venceu a eleição presidencial do Irã em primeiro turno, conforme anunciado neste sábado (19) pelo Ministério das Relações Exteriores do país. Com 90% das urnas apuradas, Raisi tem 62% dos votos válidos, uma ampla vantagem sobre o segundo colocado, Mohsen Rezaei, que possui apenas 11%.

O agora presidente eleito já foi parabenizado pelo seu único adversário moderado na corrida eleitoral, Adbolnaser Hemmati, e por outros dois candidatos. Pela diferença até o momento, é quase improvável que Raisi não termine com os mais de 50% dos votos necessários para vencer o pleito no primeiro turno.

– Espero que seu governo, sob a liderança do líder supremo, o aiatolá Ali Khamenei, deixe a República Islâmica orgulhosa, melhore a subsistência e garanta o bem-estar da nação – disse Hemmati, chefe do Banco Central, em uma carta, segundo a mídia local.

A vitória de Raisi, de 60 anos, apoiado por Khamenei, já era esperada. A seleção de candidaturas, feita pelo Conselho de Guardiães da Constituição, foi complicada. Mais de 600 candidatos se inscreveram para concorrer, mas só 7 foram aceitos. Personalidades de peso foram afastadas da disputa, como o ex-presidente Mahmoud Ahmadinejad.

Leia também1 "Indicaremos um evangélico para o STF", reafirma Bolsonaro
2 Homem invade casa da ex e é morto pelo atual namorado dela
3 ‘Globo lixo se ferra quando o povo mostra o que o governo faz’
4 Felipe Neto revela diagnóstico de rara doença genética
5 Vacinados contra a Covid-19 no Brasil chegam a 61,8 milhões

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.