Leia também:
X Três terremotos no Equador atingem região da Amazônia

Confronto na fronteira Brasil-Venezuela deixa mortos

Forças Armadas da Venezuela e indígenas entraram em conflito

Jade Nunes - 22/02/2019 14h42 | atualizado em 22/02/2019 18h31

Ditador ordenou fechamento de fronteira Foto: EFE/Peter Foley

Nesta sexta-feira (22), ocorreu um confronto entre indígenas e as Forças Armadas da Venezuela, na fronteira do país com o Brasil. Duas pessoas morreram, segundo o deputado opositor Américo de Grazia.

– Rolando García, indígena pemón, é a segunda vítima fatal da operação criminosa do general José Montoya – escreveu o parlamentar na sua conta do Twitter.

Segundo os dados do deputado, há pelo menos 15 feridos por disparos, três deles em estado grave, e todas as vítimas são indígenas.

A fronteira da Venezuela com o Brasil está fechada por ordem do ditador Nicolás Maduro, desde a noite desta quinta. Ele rejeita a ajuda humanitária que alguns países querem enviar ao povo venezuelano.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Juan Guaidó exige reabertura de fronteira com o Brasil
2 Maduro ordena fechamento de fronteira com o Brasil
3 Veja a residência oficial dos EUA que hospedará Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.