Leia também:
X Médicos dão bebê como morto, mãe não desiste e criança revive

China detalha relaxamento de regras contra a Covid-19

Medida será válida a partir de 8 de janeiro

Pleno.News - 26/12/2022 22h30 | atualizado em 27/12/2022 10h48

ruas china pandemia covid-19 coronavírus
China detalha relaxamento de regras contra Covid, válido a partir de 8 de janeiro Foto: EFE/EPA/ROMAN PILIPEY

Nesta segunda-feira (26), a Comissão de Segurança Nacional da China publicou comunicado, no qual detalha o relaxamento de medidas em andamento no país para lidar com a pandemia da Covid-19. Segundo o documento, a partir de 8 de janeiro de 2023 esse vírus não será mais classificado como “categoria A”, que exige medidas mais duras para enfrentá-lo.

O vírus passará à “categoria B”, com medidas menos agressivas. Com isso, por exemplo, não haverá mais rastreamento de contatos dos infectados, nem uma demarcação entre áreas com risco alto ou baixo de pegar Covid-19.

Pequim ainda afirmou que acabará com exigência de quarentena para viajantes de fora do país.

As prioridades agora, segundo o documento oficial, são aumentar a vacinação entre os mais idosos, melhorar a preparação de medicamentos e reagentes para testes da doença, aumentar investimentos para reforçar “a construção de recursos médicos”, ajustar a detecção do vírus e resgatar e tratar pacientes de acordo com sua classificação de gravidade.

Entre outros pontos mencionados, o governo diz que deseja reforçar o monitoramento do vírus e que pedirá respeito às medidas para que as pessoas ajudem a conter sua disseminação.

A China ressaltou ainda que as mudanças devem ser implementadas de modo “organizado”.

*AE

Leia também1 EUA: Ônibus com migrantes são deixados perto de Kamala Harris
2 Venezuela distribui bonecos de Maduro para crianças no Natal
3 Coreia do Sul reage com disparos de alerta contra norte-coreanos
4 Sobe para 47 o nº de mortos por tempestade de inverno nos EUA
5 China envia 71 aviões a região de Taiwan, em mostra de força

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.