Leia também:
X Latam personaliza avião para viagem do papa Francisco

Chile: Manifestantes atacam igrejas antes da visita do Papa

Pelo menos quatro templos foram vítimas de vândalos na madrugada desta sexta-feira, em Santiago

Emerson Rocha - 12/01/2018 14h44 | atualizado em 12/01/2018 17h50

Presidente criticou ataques às igrejas católicas, no Chile Foto: EFE/Alejandro Ernesto

A visita do papa Francisco ao Chile está cercada de grande expectativa. Além dos católicos, que aguardam ansiosamente a chegada do pontífice, a segurança do país já vive momentos de tensão. Na madrugada desta sexta-feira (12), vândalos atacaram pelo menos quatro igrejas católicas de Santiago.

As ofensivas danificaram portas e fachadas de três templos. Além de atear fogo, os protestantes deixaram panfletos com ameaças ao religioso. Nos papéis, havia a mensagem: “Papa Francisco, as próximas bombas serão na sua batina”.

Por causa dos ocorridos, a presidente do Chile, Michelle Bachelet, deu uma entrevista a uma rádio local e demonstrou estar surpresa com a forma dos ataques.

– Sabemos que sempre haverá um grupo ou outro, mas isto é muito estranho, porque não é algo que possamos identificar como sendo de um grupo específico. Na democracia as pessoas podem se expressar, mas sempre de maneira pacífica e adequada – afirmou.

O governo já prepara medidas contra os vândalos para evitar qualquer tipo de problema com a visita do papa, que acontecerá entre os dias 15 e 18 deste mês. Ele passará por Santiago, Temuco e Iquique.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Latam personaliza avião para viagem do papa Francisco
2 Papa Francisco será nome de uma floresta no Peru

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.