Leia também:
X ‘Ômicron acabará encontrando quase todo mundo’, diz Fauci

Boris Johnson admite ida a festa durante lockdown e se desculpa

Primeiro-ministro britânico disse que achou que evento era uma reunião de trabalho

Pierre Borges - 12/01/2022 13h02 | atualizado em 12/01/2022 13h10

Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson
Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson Foto: EFE/EPA/HOLLIE ADAMS / POOL

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, admitiu nesta quarta-feira (12) que participou de uma festa durante o lockdown do Reino Unido e tentou se justificar afirmando que acreditava se tratar de uma reunião de trabalho.

Ele afirmou ao Parlamento britânico que tem conhecimento de que “milhões de pessoas neste país fizeram sacrifícios extraordinários nos últimos 18 meses” e da “raiva” que a população sente dele ao pensar que “as regras não estão sendo seguidas pelas pessoas que as fazem”, mas tentou se explicar.

– Quando entrei naquele jardim, pouco depois das seis horas, em 20 de maio de 2020, para agradecer a um grupo de funcionários por 25 minutos, acreditei implicitamente que era um evento de trabalho. Em retrospectiva, entendo que deveria ter mandado todos de volta para dentro – disse Johnson.

Apesar da declaração, parlamentares criticaram veementemente o premiê, chegando ao ponto de sugerir sua renúncia.

– A questão é: o povo te expulsará, seu partido te expulsará, ou você terá a decência de renunciar? – questionou o líder da oposição, Keir Starmer.

A fala de Johnson confirma a suspeita levantada após o vazamento de um e-mail anunciando uma festa e pedindo aos 100 convidados que cada um levasse sua própria bebida, “para aproveitar o clima ensolarado”.

Leia também1 Jair Bolsonaro diz que Barroso e Moraes 'querem Lula presidente'
2 'Ômicron acabará encontrando quase todo mundo', diz Fauci
3 Quebec terá imposto exclusivo para não vacinados
4 Ator Bob Saget morreu enquanto dormia, sem sofrimento, diz site
5 Empresário morre após ter tromboembolismo pulmonar

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.