Leia também:
X Repressão: Opositores do regime cubano são presos antes de ato

‘Bolsonaro argentino’ é eleito, e coalizão conservadora decola

Javier Milei chamou o presidente Alberto Fernández de "tirano"

Pierre Borges - 16/11/2021 12h42 | atualizado em 16/11/2021 13h01

Javier Milei
Javier Milei é ferrenho defensor do liberalismo econômico Foto: Reprodução/YouTube/La Nación

O economista argentino Javier Milei, admirador de Trump e de Bolsonaro, foi eleito deputado federal por Buenos Aires, no último domingo (14). Javier lidera também uma frente conservadora chamada A Liberdade Avança, que ficou em terceiro lugar na capital.

Apelidado de “Bolsonaro argentino”, Javier é ferrenho defensor do liberalismo econômico, contrário ao aborto e a favor da liberação do porte de armas. O político também apresenta fortes críticas ao socialismo.

Embora A Liberdade Avança tenha ficado em terceiro lugar, com 17% dos votos da capital, o “pódio” das coalizões em Buenos Aires contou apenas com uma frente governista: a Frente de Todos, que obteve 25,1% dos votos. A que alcançou o maior número de votos foi a coalizão de oposição Juntos pela Mudança, com 47% dos votos.

Javier comemorou a vitória em uma tradicional casa de shows de Buenos Aires, onde chamou o presidente argentino Alberto Fernández de “tirano”.

De acordo com o jornal argentino Diario Clarín, o economista ainda teria dito: “[Sou] um leão e venho derrubar esse modelo da casta política”, em referência ao seu bordão “a casta tem medo”.

Leia também1 Camila Pitanga deixa Globo após 25 anos e fecha com HBO Max
2 Lula não descarta Alckmin como candidato a vice-presidente
3 Repressão: Opositores do regime cubano são presos antes de ato
4 Lula afirma que Bolsonaro quer 'destruir o que nós destruímos'
5 Supremo retoma julgamento de desbloqueio dos bens de Lula

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.