Leia também:
X Vídeo: Nasa descobre planeta que pode ser habitável

Joe Biden fala sobre documentos sigilosos: “Tudo será esclarecido”

Presidente americano deu declarações nesta quinta-feira

Pleno.News - 12/01/2023 15h20 | atualizado em 12/01/2023 15h55

Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden Foto: EFE/EPA/Alex Edelman

Nesta quinta-feira (12), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, se manifestou sobre a controvérsia gerada pela descoberta de papéis sigilosos em uma de suas residências particulares. Segundo ele, tudo será esclarecido.

– Tudo será esclarecido, tenho certeza – disse Biden.

A declaração foi dada minutos depois de a Casa Branca confirmar que os advogados do democrata encontraram novos documentos confidenciais, de seu tempo como vice-presidente (2009-2017), em uma de suas mansões no estado de Delaware.

O presidente americano participou de uma entrevista coletiva convocada para que ele avaliasse os dados da inflação divulgados mais cedo.

Poucas horas após o vazamento para a imprensa, a Casa Branca confirmou, em um comunicado assinado pelo advogado Richard Sauber, que a equipe jurídica de Biden fez uma busca, em cooperação com o Departamento de Justiça, nas residências do presidente em Wilmington e Rehoboth Beach, ambas em Delaware.

Os advogados descobriram documentos políticos e pessoais junto com uma série de arquivos sigilosos. Todos os documentos, exceto um, foram encontrados em um depósito na garagem da residência de Biden em Wilmington, e outro, de uma única página, estava em uma sala adjacente. Nada foi descoberto na casa de Rehoboth Beach, segundo Sauber.

– Estamos cooperando plenamente com a revisão do Departamento de Justiça – afirmou Biden.

Com o primeiro lote de documentos encontrados nos escritórios do laboratório de ideias Biden Penn Center, em Washington, o Departamento de Justiça “foi notificado imediatamente” e tomou posse dos documentos.

Na quarta-feira (11), a porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, recusou-se a responder às perguntas dos repórteres sobre a razão pela qual o governo não havia relatado a descoberta dos documentos antes, dias antes das eleições legislativas de 8 de novembro. Ela disse apenas que o assunto está sendo investigado pelo Departamento de Justiça.

*EFE

Leia também1 Vídeo: Nasa descobre planeta que pode ser habitável
2 Novos documentos são achados no escritório de Biden
3 Após ser vaiado, Fernández pede convivência democrática
4 Em Paris, policial e passageiros ficam feridos em ataque a faca
5 Biden convida Lula para visitar Washington em fevereiro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.