Leia também:
X “Daria a minha vida”, diz filho que escalou hospital pela mãe

Acusada de roubar dados de vacinas, China ameaça EUA

EUA acusou país asiático de tentar hackear informações sobre vacinas da Covid-19

Pleno.News - 23/07/2020 11h04 | atualizado em 23/07/2020 14h39

Wang Wenbin, ministro de Relações Exteriores da China Foto: EFE/Wu Hong

O governo da China negou nesta quinta-feira (23) as acusações de roubo de propriedade intelectual e informações de empresas americanas, que justificaram a decisão do governo dos Estados Unidos de fechar o consulado do país asiático em Houston, Texas.

– Essas acusações são maliciosas, com o único objetivo de difamar a China. O fechamento do consulado é uma medida completamente injustificada, e a China se reserva ao direito de retaliar – afirmou o porta-voz do Ministério de Relações Exteriores, Wang Wenbin.

O representante da Chancelaria chinesa, no entanto, não respondeu que represálias serão tomadas pelo governo. Quando era questionado sobre a postura do regime de Pequim, se limitava a ler trecho do comunicado emitido no dia anterior.

– Pedimos aos Estados Unidos que se retratem desta decisão equivocada, ou, do contrário, a China retaliará de forma legítima e necessária – garantiu Wenbin.

A imprensa oficial do país asiático apontou a possibilidade de que seja fechado algum dos consulados americanos, citando a possibilidade de que seja um entre o de Hong Kong, Macau, Guangzhou ou Chengdu.

Outra possibilidade seria o de Wuhan, que é considerada representação “irmã” a de Houston, que recebeu ordem de fechamento que deve ser cumprida até amanhã.

CHINA ALVO DE TRUMP
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aponta a China como responsável pela pandemia da Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, além de estabelecer uma guerra comercial contra o gigante asiático.

Nesta semana, o governo dos Estados Unidos sancionou 11 empresas chinesas por supostos abusos contra minorias muçulmanas, na região de Xinjiang. Além disso, apontou que dois hackers originários da China tentaram roubar dados da vacina contra o novo coronavírus e segredos militares.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Partido Comunista Chinês obriga cristãos a negarem a fé
2 EUA afirmam: "Devemos estar prontos para derrotar a China"
3 Chanceler dos EUA acusa OMS de se 'vender' para a China
4 Cuba, Turquia e Vietnã culpam cristãos pelo coronavírus
5 EUA ordenam fechamento de consulado da China no Texas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.