Leia também:
X Avião faz pouso forçado em aeroporto nos EUA

Polícia prende suspeito de matar estudante brasileiro

Motivo do crime ainda não foi divulgado

Ana Luiza Menezes - 17/04/2018 19h14 | atualizado em 18/04/2018 14h53

Acusado foi preso na última segunda-feira Foto: Reprodução Twitter

Apesar de negar a acusação, o estudante Michael Roque, de 20 anos, foi preso como principal suspeito do assassinato do brasileiro João Souza. O crime aconteceu no último domingo (15), por volta das 22h30, dentro da Universidade Binghamton, em Nova Iorque, Estados Unidos.

Com base nas imagens de segurança, os investigadores acreditam que Michael foi quem atacou o jovem brasileiro, que estudava engenharia.

“Estou profundamente triste em escrever a vocês sobre o esfaqueamento que levou à morte de um de nossos alunos, João Souza, um estudante calouro de 19 anos de idade. Todo o campus chora por ele. Nossos sentimentos vão para seus amigos e familiares”, escreveu o presidente da universidade, Harvey Stenger.

Segundo jornais americanos, esta é a segunda vez, dentro de um período de cinco semanas, que um aluno da mesma instituição de ensino é preso por matar um colega no campus universitário. O estudante de enfermagem Orlando Terceiro teria assassinado a ex-namorada, Haley Anderson, que também era aluna, dentro do dormitório do campus.

Quanto ao brasileiro, autoridades locais afirmam que Souza e Roque se conheciam, entretanto ainda não foi possível encontrar o motivo do crime. Colegas de João afirmam que ele era “um cara ótimo, sempre sorrindo e contando piadas.” O jovem também se destacava como bom jogador de futebol na equipe da universidade.

Leia também1 Brasileiro é morto a facadas em universidade dos EUA
2 Mais de mil estudantes se entregam a Jesus após ação
3 "Idiotas da aldeia": a onda dos haters na Internet

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.