Leia também:
X Guaidó agradece a Bolsonaro por operação que acolhe migrantes

Pessoa se perde, mas não atende resgate com nº desconhecido

Indivíduo fazia trilha no monte Elbert, nos Estados Unidos

Thamirys Andrade - 27/10/2021 16h56 | atualizado em 27/10/2021 18h29

Pessoa desaparecida em trilha nos EUA não atende ligações da equipe de resgate por não reconhecer o número
Trilha no Colorado Foto: Divulgação / Lake County Search and Rescue

Equipes de resgate do Colorado (EUA) disseram que uma pessoa que se perdeu fazendo trilha no estado não atendeu de propósito às ligações do salvamento, pois o número era desconhecido para ela. O caso inusitado foi relatado à emissora NBC News.

A caminhada teve início no último dia 18, no monte Elbert, e terminou 24 horas depois, com uma pessoa desaparecida, que não conseguiu retornar ao caminho certo ao anoitecer.

A equipe de Buscas e Resgate do Condado de Lake entrou em ação para localizar o desaparecido, que não teve nome e gênero divulgados. Foram várias ligações realizadas para o celular da pessoa, que se recusou a atender, pois não tinha o número salvo em seus contatos.

– Uma lição notável é que a pessoa ignorou repetidos telefonemas nossos porque não reconheceu o número – declarou a equipe.

O órgão pediu ainda que todos que fazem trilha na região atendam a seus celulares.

– Pode ser uma equipe do serviço de busca tentando confirmar que você está seguro! – acrescentou.

O indivíduo conseguiu retornar para casa sozinho após caminhar pela área e finalmente encontrar o seu carro.

Leia também1 Princesa Mako, do Japão, se casa com plebeu e deixa família real
2 Empresária perde um olho após cirurgia plástica: “Derreteu”
3 Água vermelha em rio de SP intriga autoridades e moradores
4 Jovem grávida de 7 meses morre após tomar remédio abortivo
5 Saiba o que é febre maculosa, doença que teria matado 2 PMs

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.