Leia também:
X Rússia faz ameaça nuclear contra adesão da Suécia e Finlândia à Otan

Peça com nudez causa revolta ao ensinar sexo a crianças de 5 anos

Obra de teatro também explica teorias "feminista, queer e não binária"

Pleno.News - 14/04/2022 15h22 | atualizado em 14/04/2022 15h30

criança envergonhada, timidez
[Imagem Ilustrativa] Foto: Caleb Woods | Unsplash
Uma peça de teatro tem causado indignação em Londres por exibir nudez e se propor a ensinar sexo e ideologia de gênero para crianças a partir de 5 anos. Intitulada Family Sex Show, a encenação é financiada com dinheiro público e apoiada por universidades. Como protesto, mais de 33 mil pessoas assinaram uma petição para que a exibição seja suspensa.

A obra de 60 minutos foi criada pela empresa This Egg e fará uma turnê pela Inglaterra. Segundo definição dos criadores, ela “explora nomes e funções, limites, consentimento, prazer, estranheza, sexo, gênero e relacionamentos”.

– Usando corpos da vida real, histórias pessoais, músicas e movimentos, The Family Sex Show coloca as coisas boas na vanguarda da conversa e imagina um futuro onde não há vergonha; mas uma celebração da diferença, igualdade e libertação. ThisEgg convida você a trazer seus pais, seus filhos, amigos, amantes e trazer todo o seu eu – diz a descrição.

A companhia de teatro passou a causar revolta após um internauta chamado Matthew Taylor denunciar o espetáculo na rede social Mumsnet.

– Esse programa é voltado para crianças de 5 anos ou mais. Os artistas ficam nus. A discussão com as crianças é sobre sexo, sexualidade e prazer sexual. Não consigo imaginar levar uma criança de 5 anos a um teatro onde as pessoas vão falar sobre sexo e mostrar seus corpos nus para ela. Eu sou o louco? – declarou Matthew.

A partir daí, outros adultos se mobilizaram contra a peça.

– Eles dizem que está amplamente de acordo com o currículo nacional, mas a diferença é que nas escolas as mensagens são adaptadas à faixa etária, enquanto isso é apenas despejar um monte de coisas em crianças que são muito jovens para lidar com isso – acrescentou uma mãe de 30 anos, em declaração ao jornal Daily Mail.

Os criadores do conteúdo explicam que “em um ponto do show, todos no palco tiram suas roupas ao nível em que se sentem confortáveis”.

– Para algumas pessoas, isso é tirar todas as roupas e ficar completamente nuas. Para outras, isso significa tirar a calcinha, mas deixar a calcinha, para outras, não é tirar nada. Esse momento dura aproximadamente cinco minutos – detalham.

Segundo a gerente de programação e engajamento da Tobacco Factory Theatres, Allie, a obra “oferece uma educação sexual honesta e humana que é feminista, queer, não binária, inclusiva e sexualmente positiva”.

O show está sendo exibido no The Egg Theatre, em Bath. Pais estão se mobilizando para protestar no próximo mês durante a inauguração da peça no Theatre Royal de Bath no fim de abril.

Leia também1 Cantora denuncia prostituição e drogas na Farofa da Gkay
2 Warner edita cena gay para estreia de filme na China
3 CCO celebra sucesso da série The Chosen: "Hollywood não faria"
4 Após 16 anos, Fabiana Karla deixa elenco fixo da Rede Globo
5 Atriz Juliana Paes expõe motivos de sua saída da TV Globo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.