Leia também:
X Secretário dos EUA: Rússia segue enviando soldados para Ucrânia

Passaporte sanitário contra a Covid-19 chega ao fim em Israel

Medida foi anunciada pelo primeiro-ministro, Naftali Bennett

Pleno.News - 18/02/2022 15h05 | atualizado em 18/02/2022 16h06

Primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett Foto: EFE/EPA/Emil Salman

Israel decidiu “extinguir” o passaporte da vacina no país. A medida foi anunciada, na tarde desta quinta-feira (17), pelo primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett. De acordo com ele, o passaporte não é mais necessário porque a onda de casos da variante Ômicron do coronavírus está sendo reduzida.

Parte do passaporte já estava suspensa no país desde o início deste mês. A medida valia apenas para casas de shows, cinemas e locais passíveis de aglomeração.

Em um comunicado, Naftali Bennett falou sobre o fim do “passaporte verde”, como é chamado o passaporte vacinal em Israel.

– Estamos pondo fim ao uso do passaporte verde, visto que a onda da Ômicron está freando, constatando-se uma forte queda no número de pessoas infectadas e em estado grave – apontou.

Leia também1 Reitores indicados por Bolsonaro criam associação após ataques
2 Alerj "recua" e desiste de votar passaporte sanitário em escolas
3 Eduardo B. questiona TSE sobre passaporte vacinal nas eleições
4 IFNMG barra entrada de aluna sem comprovante da vacina
5 Canadá: Trudeau quer poderes de emergência contra protestos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.