Leia também:
X Papa se desculpa por tapa na mão de mulher que o agarrou

Paris tem queima de carros e vandalismo na virada do ano

Prática virou tradição no Réveillon em várias cidades da França

Rafael Ramos - 01/01/2020 13h49 | atualizado em 01/01/2020 14h20

Carros foram incendiados no Ano Novo em Paris Foto: Reprodução

O youtuber Manoel Gontijo, do canal Legendas Conservadoras, usou o Twitter para denunciar uma prática que se tornou tradição na virada do ano em Paris e em outras cidades da França. De acordo com o portal francês The Local, jovens costumam queimar carros durante os festejos.

– Dezenas de carros foram queimados em Paris no Ano Novo. O vandalismo ainda não acabou e os estragos ainda não foram estimados. Enquanto a França queima, o presidente Emmanuel Macron perde seu tempo falando da Amazônia e do Brasil quando deveria se preocupar com seu país – declarou Gontijo.

View this post on Instagram

O youtuber Manoel Gontijo, do canal Legendas Conservadoras, usou o Twitter para denunciar uma prática que se tornou tradição na virada do ano em Paris e em outras cidades da França. De acordo com o portal francês The Local, jovens costumam queimar carros durante os festejos. #PlenoNews #França #EmmanuelMacron

A post shared by Pleno.News (@plenonews) on

De acordo com o Ministério do Interior, em 2018 foram incendiados mais de mil veículos. O costume teria começado na década de 90 nos bairros mais pobres da cidade de Estrasburgo, na região leste da França.

Apesar do Observatório Nacional ao Crime e Justiça Criminal (ONDRP) revelar uma queda no número de carros queimados desde 2010, os donos dos veículos sempre ficam preocupados com a proximidade do Réveillon francês.

– Incêndios em veículos são frequentemente associados a um contexto de tumultos e violência urbana. Também pode ser um jogo para quebrar a monotonia ou pode ser motivado por vingança após uma prisão violenta. Ou poderia ser apenas livrar-se de um carro usado em um crime ou como um golpe de seguro – explicou Christopher Schulz, um dos representantes do ONDRP.

Leia também1 "O ano de 2019 encerra o ciclo de devastação econômica"
2 Papa dedica 1ª missa do ano às mulheres vítimas de violência
3 RJ: Explosão no Complexo do Alemão fere 12 moradores

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.