Leia também:
X Avião cai na Costa Rica e causa a morte de 12 pessoas

Papa Francisco pede ajuda aos imigrantes e refugiados

Pontífice fez referência na abertura da 51ª Jornada Mundial da Paz

Emerson Rocha - 01/01/2018 12h51 | atualizado em 02/01/2018 10h59

Papa realizou missa no primeiro dia do ano EFE/EPA/FABIO FRUSTACI

A Igreja Católica abriu nesta segunda-feira (1º) a 51ª Jornada Mundial da Paz. Para aproveitar a data, o papa Francisco fez uma referência ao “futuro de paz” para imigrantes e refugiados. Ele pediu maior atenção às instituições civis, educativas, assistenciais e eclesiásticas.

– Não apaguemos a esperança no seu coração; não sufoquemos suas esperanças de paz. É importante que da parte de todos, instituições civis, realidades educativas, assistenciais e eclesiásticas, haja um esforço por garantir aos refugiados, aos imigrantes, a todos, um futuro de paz – disse o papa.

A missa foi feita debaixo de chuva, na Praça de São Pedro, no Vaticano. Francisco realizou a tradicional oração do Ângelus e advertiu sobre as pessoas que “estão dispostas a arriscar a vida em uma viagem que em grande parte dos casos é longa e perigosa”.

O papa também pediu para que em 2018 o mundo seja “mais solidário e acolhedor”.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Papa Francisco condena conflitos entre os homens
2 Papa Francisco critica quem trata Natal apenas como festa

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.