Leia também:
X Alves divide cela com brasileiro e tem rotina sem privilégios

Núcleo terrestre desacelera e pode atingir duração dos dias

Fenômeno ainda é capaz de influenciar nível do mar e temperatura do planeta

Thamirys Andrade - 25/01/2023 16h33 | atualizado em 09/02/2023 17h37

Núcleo terrestre [imagem ilustrativa] Foto: Agência Espacial Europeia (ESA)
Sismólogos da Universidade de Pequim ficaram surpresos ao constatar que o núcleo da Terra desacelerou nos últimos anos, chegando a ponto de igualar a sua velocidade com a do planeta. O artigo, publicado na Revista Nature, detalha que esse fenômeno pode influenciar não apenas a duração dos dias, mas também o clima e o mar, além de os campos gravitacionais e magnéticos.

Os cientistas Yi Yang e Xiaodong Song têm acompanhado as movimentações do núcleo terrestre desde 1995. Eles constataram que a velocidade vem se igualando à do planeta desde o ano de 2009. Em entrevista ao jornal El País, os pesquisadores relataram algumas das consequências que essa mudança pode causar:

– Nos últimos anos, os dias estão ficando mais curtos e pode ser que haja relação com essa mudança [na forma como o núcleo gira]. A alteração na rotação também pode modificar o campo gravitacional como um todo e causar deformações na superfície, o que alteraria também o nível do mar e, por sua vez, a temperatura global do planeta – detalhou Song.

Entretanto, os cientistas destacam que ainda é necessário tempo para analisar os impactos que o fenômeno pode causar.

O núcleo da Terra é composto por uma parte interna feita de ferro sólido, e uma externa, composta de ferro em estado líquido e níquel. Elas estão localizadas a cerca de 5 mil quilômetros de profundidade da superfície.

A influência sobre a duração dos dias ocorre porque ela é baseada no movimento de rotação da Terra em torno de seu próprio eixo. Até o momento, os cientistas apontam que esse período é de 23 horas, 56 minutos, 4 segundos e 0,9 décimos de segundo.

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.