Leia também:
X Aprovação de Boric despenca em menos de 2 meses de mandato

Nasa: Asteroide “potencialmente perigoso” passará pela Terra hoje

Segundo agência espacial, corpo celeste não oferece risco de colisão com a Terra

Thamirys Andrade - 28/04/2022 10h38 | atualizado em 28/04/2022 11h11

Imagem Ilustrativa Foto: Pixabay

A Nasa informou que um grande asteroide considerado “potencialmente perigoso” passará próximo à Terra nesta quinta-feira (28). A rocha, batizada de 418135 (2008 AG33), possui entre 350 a 780 metros de diâmetro e entrará na órbita terrestre a 37 km/h, ou seja, 30 vezes mais que a velocidade do som. Felizmente, sua passagem não oferece riscos de impacto ao nosso planeta, pois ele estará a uma distância de 3,2 milhões de quilômetros, informou a agência espacial norte-americana.

Para a Nasa, qualquer objeto espacial que tenha menos de 193 milhões de quilômetros de proximidade com a Terra e velocidade de 7,5 milhões de quilômetros deve ser considerado “potencialmente perigoso”. Corpos celestes dessa categoria são monitorados atentamente pela agência, para evitar risco de desvio da trajetória para a direção do nosso planeta.

No caso da 418135, o asteroide estará a oito vezes a distância média entre a Terra e a Lua. Embora pareça uma grande longitude, são alguns passos de distância para os padrões cósmicos.

Países como Estados Unidos e China já trabalham atualmente no planejamento de missões para redirecionar asteroides. A ideia é estarem prontos para desviar um eventual corpo celeste que ofereça risco de colisão com a Terra no futuro.

No último domingo (24), a agência espacial chinesa comunicou que, dentro de quatro anos, enviará uma espaçonave para colidir com um asteroide a fim de testar a capacidade de mudar a trajetória, como parte de um plano de defesa planetária.

Leia também1 Epidemiologista diz que EUA saíram da fase de pandemia
2 China registra primeiro caso de gripe aviária H3N8 em humanos
3 ONU: Humanidade está em uma "espiral de autodestruição"
4 ONU faz vistoria em Chernobyl: “Situação instável e perigosa”
5 Casos misteriosos de hepatite aguda infantil sobem para 190

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.