Leia também:
X Mulher morre ao ser atingida por raio em Buenos Aires

Menina de 7 anos morre após ser presa na fronteira dos EUA

Criança teria ficado vários dias sem comer ou beber água, segundo as autoridades

Jade Nunes - 14/12/2018 07h35 | atualizado em 14/12/2018 10h01

Fronteira do México com os EUA Foto: EFE/Rafael Salido

Uma menina guatemalteca, de 7 anos, morreu por desidratação e exaustão, horas depois de atravessar a fronteira dos Estados Unidos com o México com seu pai, e ser detida pela Patrulha Fronteiriça, de acordo com informações divulgadas na quinta-feira (13).

Segundo a patrulha, a menina e seu pai foram detidos na noite do último dia 6, ao sul de Lordsburg, no Novo México, após terem sido entregues a agentes com um grupo de 163 imigrantes.

Por volta de 6h25 (hora local) do dia seguinte, aproximadamente oito horas depois da sua apreensão, a menina começou a ter convulsões e foi transferida com febre de 41 graus de helicóptero para um hospital em El Paso, no Texas, onde chegou com parada cardíaca.

No hospital, os médicos conseguiram reanimá-la, mas ela morreu horas depois.

Embora a autópsia ainda leve algumas semanas, os médicos do Hospital Providence indicaram que a menina morreu de choque séptico, desidratação e febre.

Segundo o comunicado da Patrulha Fronteiriça divulgado pelo jornal The Washington Post, a menina estava há “vários dias sem comer ou consumir água” no momento da sua detenção.

No entanto, não está claro se ela recebeu alimentação ou atendimento médico ao longo da noite, antes de sofrer as convulsões.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Mulher morre ao ser atingida por raio em Buenos Aires
2 Secretário-geral da ONU anuncia trégua no Iêmen
3 Coração esquecido em aeronave causa transtorno em voo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.