CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Nova Iorque: Trump critica governador após noite de caos

Mãe mata filha deficiente de 4 anos e deixa corpo em gaveta

Padrasto da criança também foi preso

Gabriela Doria - 02/06/2020 16h11

Jackleen Mullen e Audrevious Williams foram acusados de homicídio e negligência Foto: Reprodução

Uma mulher de 23 anos foi presa, na última semana, na Carolina do Sul, nos Estados Unidos, acusada de matar a filha de apenas 4 anos. O corpo da pequena India Martin, que era deficiente, foi encontrado na gaveta de um armário na casa de Jackleen Elizabeth Mullen e seu namorado Audrevious Jarrel Williams, de 26 anos, que também foi preso.

Segundo a polícia, o corpo da menina foi encontrado com sinais de espancamento e estrangulamento. O detetive responsável pelo caso, Keenan McCorey, afirmou que a mulher “não mostrou qualquer emoção quando o corpo foi descoberto”

A polícia chegou ao local após uma denúncia anônima. Nos registros oficiais, o casal já tinha histórico de maus-tratos com outros filhos. Em 2017, Jackleen foi condenada por negligência após dar à luz o irmão de India e um exame de sangue detectar traços de cocaína no organismo do recém-nascido.

Os dois vão responder por homicídio e negligência.

As outras três crianças que moravam com o casal serão entregues a familiares.

Leia também1 Mulher é presa após confessar que matou o filho de 11 anos
2 Cidade faz carreata para dar adeus a garoto morto pela mãe
3 Abuso sexual infantil no isolamento: Reconheça sinais
4 Youtubers devolvem filho autista 3 anos após adoção
5 Youtuber que devolveu filho autista perde patrocínios

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo