Lula, Greta e cacique Raoni concorrem ao Nobel da Paz

Nome de ícones da esquerda podem ser anunciados nesta sexta-feira

Pleno.News - 07/10/2019 19h18

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concorre ao Nobel Foto: Reprodução

O Prêmio Nobel da Paz tem concorrentes polêmicos neste ano. Na disputa estão nomes como o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Papa Francisco, da ativista ambiental sueca Greta Thunberg e até mesmo do cacique brasileiro Raoni Metuktire. Ao todo, concorrem 219 indivíduos e 85 organizações.

O vencedor da honraria, concedida àqueles que tenham feito “a maior ou melhor ação pela fraternidade entre as nações”, será anunciado nesta sexta-feira (11), em Estocolmo, na Noruega.

Nesta segunda (7), foi anunciado o nome dos norte-americanos William Kaelin e Gregg Semenza e do britânico Sir Peter Ratcliffe como vencedores do Nobel da Medicina. O prêmio é um reconhecimento por suas pesquisas sobre o comportamento de células de acordo com a disponibilidade de oxigênio.

Os pesquisadores conseguiram desvendar o maquinário molecular que regula a atividade de genes dependendo dos níveis de oxigênio, afetando o metabolismo celular e o funcionamento fisiológico. As pesquisas sobre como o oxigênio é sentido pelas células permitiram novas estratégias de tratamento contra a anemia e câncer.

LEIA TAMBÉM+ Ativista da paz diz que dar Nobel a Lula seria desrespeito
+ Nobel vai para pesquisa que ajuda no tratamento do câncer
+ Morre primeira mulher negra a ganhar Prêmio Nobel


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo