Leia também:
X Menino é encontrado após três dias de buscas no Japão

Israel decide reabrir passagem comercial com Gaza

ONU comemorou a decisão do Estado Judaico

Ana Luiza Menezes - 15/08/2018 19h56

Israel reabriu a passagem comercial com Gaza após mais de um mês de restrições Foto: Pixabay

Israel decidiu reabrir a passagem comercial com Gaza, em Kerem Shalom, após mais de um mês de grandes restrições. O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, comemorou a resolução nesta quarta-feira (15).

Guterres também expressou satisfação pela ampliação da zona de pesca autorizada aos palestinos. Ele acredita que a medida deve dar um respiro à indústria pesqueira da Faixa.

– O secretário-geral está esperançoso ao ver os envolvidos respondendo aos pedidos de evitarmos um impacto devastador de outro conflito na população civil de Gaza e os seus arredores – disse o porta-voz da ONU, Stéphane Dujarric, em comunicado.

Guterres pediu que ambas as partes colaborem com os esforços de seu enviado especial, Nickolay Mladenov, e do Egito para evitar uma nova escalada de tensão. Ele também solicitou respostas aos problemas humanitários na região de Gaza. A expectativa é que seja feito o retorno da autoridade palestina à Faixa, atualmente controlada pelo movimento Hamas.

As autoridades israelenses fecharam as importações para Gaza através de Kerem Shalom em julho. Eles permitiam apenas a passagem de materiais humanitários. A decisão foi tomada em resposta ao lançamento de pipas incendiárias lançadas na direção do território israelita.

O movimento de Israel foi criticado pela ONU, que denunciou que a retaliação colocava em perigo à população palestina ao impedir, por exemplo, a entrada de combustível para os geradores de hospitais. Na época, outros serviços básicos acabaram comprometidos diante dos contínuos cortes do fornecimento de energia.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Menino é encontrado após três dias de buscas no Japão
2 Michael Schumacher deve ser levado para a Espanha
3 Polícia britânica faz operação e divulga nome de atropelador

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.