Leia também:
X OMS explica vídeo em que Tedros parece dizer que reforço da vacina “mata crianças”

Invasor do castelo de Windsor queria matar a rainha Elizabeth

Homem de 19 anos invadiu o castelo de Windsor na manhã de Natal, mas foi detido

Paulo Moura - 27/12/2021 11h56 | atualizado em 27/12/2021 12h11

Rainha Elizabeth II Foto: EFE/Will Oliver

Um vídeo divulgado pelo jornal britânico The Sun, que teria sido gravado pelo homem que invadiu o castelo de Windsor no último sábado (25), apontou que o invasor teria a intenção de matar a rainha Elizabeth II. No vídeo, um homem encapuzado fala em “assassinar a rainha”.

Identificado como Jaswant Singh Chail, de 19 anos, o homem seria morador de Southampton, cidade localizada no sul do Reino Unido. O vídeo divulgado pelo tabloide britânico foi enviado aos amigos da conta do Snapchat de Chail apenas 24 minutos antes de policiais armados o interceptarem na manhã de Natal.

No vídeo, o homem aparece vestindo um suéter preto, encapuzado e usando uma besta, arma medieval que dispara flechas com muita força. Atrás de uma máscara branca, ele é ouvido dizendo: “Sinto o que fiz e o que vou fazer. Vou tentar assassinar a Rainha Elizabeth”.

Apesar de não ter confirmado se a gravação realmente pertence ao homem que invadiu o castelo de Windsor, a polícia britânica disse que “os investigadores estão avaliando o conteúdo de um vídeo” e relatou ter encontrado uma besta, mesma arma que aparece no vídeo divulgado pelo The Sun.

A polícia ainda informou que o homem foi detido sob custódia, passou por uma avaliação de saúde mental e, desde então, está hospitalizado sob a Lei de Saúde Mental britânica, permanecendo aos cuidados de profissionais médicos.

Leia também1 Conecte SUS volta a exibir dados de vacinação da Covid-19
2 Saiba como ajudar as pessoas afetadas pelas chuvas na Bahia
3 Igreja Batista Atitude terá Culto da Virada no Parque Olímpico
4 Luíza: "Morreu por 38 minutos e voltou. Maurílio é um milagre'
5 Zé Neto cancela shows após novo problema de saúde e pede oração

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.