Leia também:
X Trump diz que coronavírus abalou relação com a China

Homem baleado na Casa Branca planejava ataque

Donald Trump precisou ser retirado às pressas do local

Gabriela Doria - 11/08/2020 17h03 | atualizado em 11/08/2020 17h05

Homem foi baleado em frente à Casa Branca Foto: Reprodução

O homem que fez o discurso de Donald Trump na Casa Branca ser interrompido, nesta segunda-feira (10), estaria planejando um ataque. Myron Berryman, de 51 anos, foi baleado por um agente do Serviço Secreto em frente à residência oficial do presidente.

De acordo com testemunhas, Berryman estava do lado de fora da Casa Branca ameaçando pessoas quando foi neutralizado. Ele foi socorrido e está internado em estado grave. Berryman deve enfrentar acusações de agressão federal.

O chefe da Divisão do Serviço Secreto, Tom Sullivan, relatou ainda que, antes de chegar à Casa Branca, o agressor abordou um policial e afirmou que estava armado. Ainda segundo ele, Berryman se moveu agressivamente contra o oficial e parecia se preparar para atirar quando foi baleado. Antes disso, ele já havia gritado que iria matar pessoas.

A confusão do lado de fora fez o presidente Donald Trump ser retirado às pressas da sala onde participava de uma coletiva de imprensa. Os jornalistas que estavam no local tiveram que ficar confinados por mais de 4 horas até que a segurança presidencial liberasse a área.

Leia também1 Trump diz que coronavírus abalou relação com a China
2 Suspeita de tiro interrompe coletiva de Donald Trump
3 Inteligência dos EUA: China tenta interferir nas eleições
4 Trump assina ordem que pode banir app TikTok dos EUA
5 Trump nega interesse político em vacina: 'Quero salvar vidas'

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.