Leia também:
X OMS volta a criticar o passaporte Covid e lamenta desigualdade

Homem armado com faca deixa mortos e feridos na Alemanha

Policia investiga o que motivou os ataques

Pleno.News - 25/06/2021 16h36 | atualizado em 25/06/2021 22h08

Ataque a facas na Alemanha deixou mortos e feridos Foto: EFE/EPA/News5/Bauernfeind

Três pessoas morreram e várias ficaram feridas nesta sexta-feira (25) após serem esfaqueadas por um homem somali de 24 anos. O suspeito foi atingido por agentes de segurança e está sob custódia policial.

Um repórter do canal público de TV ARD disse ter sido informado pela polícia de que não havia indícios de motivação terrorista por trás do ataque. Alguns meios de comunicação locais estimam que ao menos seis pessoas ficaram feridas.

– Três pessoas foram mortas em um ataque por um somali de 24 anos. Outros ficaram feridos, alguns gravemente. O homem, que mora em Wuerzburg, foi atingido por uma bala policial, mas sua vida não corre perigo – escreveu a polícia da Baixa Francônia no Twitter.

A polícia havia comunicado anteriormente que não havia indicação de que houvesse outros agressores e que a situação já estava sob controle.

Vídeos postados nas redes sociais mostram um jovem aparentemente segurando uma longa faca sendo repelido por outros homens segurando cadeiras até a chegada da polícia. Outro vídeo parecia mostrar sangue no chão. Imagens da agência Reuters mostraram dezenas de policiais e veículos de emergência no local.

Wuerzburg, uma cidade antiga com cerca de 130 mil habitantes, fica a cerca de 100 quilômetros a Sudeste de Frankfurt.

*AE

Leia também1 EUA: Joe Biden oferece ajuda após desabamento em Miami
2 Covid: 1° caso pode ter ocorrido na China em outubro de 2019
3 União Europeia inclui aborto na lista de “direitos humanos”
4 Criança brasileira está entre os desaparecidos de Miami
5 EUA: Kamala se encontra com imigrantes na fronteira

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.