Leia também:
X Vazam detalhes dos planos para o funeral da rainha Elizabeth II

Flórida cria multa para quem exigir comprovante de vacina

A decisão passará a valer a partir do dia 16 de setembro

Thamirys Andrade - 03/09/2021 16h01 | atualizado em 03/09/2021 17h03

governador da flórida Ron DeSantis
Governador da Flórida, Ron DeSantis Foto: Reprodução

Na contramão de cidades brasileiras como Rio de Janeiro e São Paulo, que estão trabalhando para implementar o chamado “passaporte Covid”, o estado da Flórida (EUA) decidiu multar em 5 mil dólares (R$ 25 mil) quem exigir comprovante de vacinação contra o coronavírus. A decisão passará a valer para escolas, empresas e órgãos públicos a partir do dia 16 de setembro.

– Na Flórida, sua escolha pessoal em relação às vacinas será protegida, e nenhuma empresa ou entidade governamental poderá negar seus serviços com base em sua decisão – declarou o governador republicano Ron DeSantis.

DeSantis, que também se posicionou contrário ao lockdown durante surtos da Covid-19, promulgou a lei no início deste ano.

Em seu perfil nas redes sociais, a secretária de comunicação do governo, Christina Pushaw, ironizou a oposição dos democratas com relação à nova medida:

– Por alguma razão, a proibição de passaportes de vacinas na Flórida realmente é um gatilho para os democratas. Eu não entendo. Se eles quiserem levar seu histórico médico a todos os lugares e mostrar seus documentos no McDonald’s, ninguém os impedirá – disse Pushaw.

Leia também1 Flórida apresentará lei contra o aborto semelhante à do Texas
2 Vazam detalhes dos planos para o funeral da rainha Elizabeth II
3 ONGs pedem fundo destinado ao clima para projetos abortistas
4 Pentágono admite se aliar ao Talibã para combater EI afegão
5 Aluno se fere após tiroteio em escola de ensino médio dos EUA

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.