Leia também:
X EUA pedem cooperação à China em investigação sobre pandemia

EUA descartam 60 milhões de vacinas danificadas em fábrica

Substância utilizada na fabricação da vacina da AstraZeneca contaminou doses da Johnson em fábrica de Baltimore

Pleno.News - 11/06/2021 15h26 | atualizado em 11/06/2021 15h42

10 milhões de doses, contudo, foram liberadas para uso Foto: Freepik

A Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos decidiu liberar para uso dois lotes de vacinas da Johnson & Johnson produzidas na problemática fábrica da Emergent Biosolutions, em Baltimore, mas ordenou que muitas outras fossem descartadas, por não reunirem condições para sua administração.

A FDA fez esse anúncio nesta sexta-feira (11), em um comunicado no qual não dá números, embora o jornal The New York Times estime em 60 milhões o total de doses que devem ser descartadas, em comparação com as 10 milhões que estão autorizadas para uso.

No comunicado, a FDA explica que, no momento, não pode autorizar novamente a produção da referida fábrica no estado de Maryland, mas continua trabalhando com a direção da empresa fabricante e com a própria empresa farmacêutica para resolver a situação.

Em abril, a Johnson & Johnson assumiu a supervisão dessa fábrica da Emergent BioSolutions, onde (segundo dados então publicados pelo The New York Times) cerca de 15 milhões de doses da vacina da farmacêutica americana contra a Covid-19 foram danificadas durante sua produção.

Os dois lotes de vacinas liberados receberam autorização para uso emergencial nos Estados Unidos ou em países para os quais são exportadas.

Essas vacinas agora também têm uma vida útil mais longa, pois o FDA também confirmou nesta sexta-feira o que a J&J já havia anunciado ontem: a prorrogação de seis semanas do prazo de validade da vacina, fazendo com que seu período de armazenamento refrigerado passe de três para quatro meses e meio.

*EFE

Leia também1 EUA pedem cooperação à China em investigação sobre pandemia
2 Nova quarentena na capital chilena gera críticas ao governo
3 Brasil é eleito para Conselho de Segurança da ONU
4 Fernández pede que instituto analise se frase foi racista
5 Esposa de Chapo assume crimes no tráfico e lavagem de dinheiro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.