Leia também:
X ONU: 8,5 mil crianças foram usadas como soldados em 2020

EUA admitem que não vacinarão 70% de adultos até 4 de julho

Coordenador da resposta do governo americano à pandemia disse que levará mais "algumas semanas" para o objetivo ser cumprido

Pleno.News - 22/06/2021 15h42 | atualizado em 22/06/2021 15h43

Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden Foto: EFE/Chris Kleponis

A Casa Branca admitiu, nesta terça-feira (22), que não cumprirá a meta de vacinar contra a Covid-19 pelo menos 70% da população adulta do país com pelo menos uma dose até 4 de julho. Segundo o coordenador da resposta do governo americano à pandemia, Jeff Zients, o objetivo será cumprido em “algumas semanas”.

Durante uma coletiva de imprensa, Zients disse que 70% das pessoas com 30 anos ou mais já receberam pelo menos um dose de imunizante contra o coronavírus.

O diretor do Instituto de Alergia e Doenças Infecciosas dos EUA, Anthony Fauci, que também participou da entrevista, afirmou que o maior risco atual no combate à pandemia é a disseminação da variante delta do coronavírus.

A diretora do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), Rochelle Walensky, por sua vez, ressaltou a importância da segunda dose da vacina.

*AE

Leia também1 Covid: Anvisa nega autorização de uso emergencial de Avifavir
2 ONU: 8,5 mil crianças foram usadas como soldados em 2020
3 Randolfe se "descontrola" e ataca Heinze: 'É o que mais mente'
4 Esquerda tenta cassar mandato de Nikolas Ferreira, mas sofre derrota
5 Esquerdista, filha do escritor Olavo de Carvalho se filia ao PT

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.