Leia também:
X Empresa diz ter encontrado anticorpo que cura a Covid-19

Espanha tem queda nas mortes diárias por Covid-19

Ministério da Saúde local divulgou números durante coletiva

Pleno.News - 16/05/2020 09h09 | atualizado em 16/05/2020 10h00

Espanha tem queda no número de óbitos Foto: Reprodução

O número de mortes por Covid-19 na Espanha teve uma queda significativa entre quinta e sexta-feira (15), com 138 novos óbitos, 79 a menos do que na quinta-feira (14), chegando a 27.459 vítimas. Já as infecções ultrapassam 230 mil, segundo dados oficiais divulgados nesta sexta-feira pelo Ministério da Saúde local.

Os novos casos da Covid-19, confirmados em testes por PCR entre quinta e sexta-feira, aumentaram em 549 e atingiram 230.183, enquanto os pacientes que superaram a doença subiram para 1.409 e já atingiram um total de 144.783 pessoas desde o início da pandemia.

– As coisas estão indo como o esperado – o porta-voz do Ministério da Saúde para a pandemia, o epidemiologista Fernando Simón.

Ele deu declarações durante sua entrevista coletiva diária, nesta sexta-feira (15).

Segundo o médico, “agora a transmissão é realmente pequena”. Ele insistiu que “não há indicação” de que a evolução da pandemia tenha mudado “substancialmente”, embora cada vez os casos sejam “melhor detectados”.

Quatro regiões são responsáveis pela maioria dos novos pontos positivos: Catalunha, com 151; Castela e Leão, com 99; Madri, com 49 anos, e Castela-Mancha, com 43.

Em relação ao número de vítimas, a Catalunha registrou mais 59 mortes, entre quinta e sexta, e Madri registrou 30. Com os números, essas duas regiões acumulam quase dois terços do total em toda a Espanha.

Com esses dados, o Ministério da Saúde decidirá quais as regiões que estão avançando na redução de medidas para interromper a pandemia.

Mas enquanto Madri mais uma vez solicita o relaxamento das medidas em toda a comunidade, o governo autônomo da Catalunha deixa Barcelona e sua região metropolitana fora dessas medidas, embora proponha diminuir um pouco as restrições de confinamento.

VIAGENS EM TEMPOS DE PANDEMIA
Pessoas de outros países que chegam à Espanha, a partir desta sexta-feira (15), devem passar por uma quarentena de 14 dias, uma medida que será mantida enquanto o estado de alarme para o novo coronavírus continuar em vigor.

De acordo com uma ordem do Ministério da Saúde da Espanha, os viajantes serão obrigados a ficar em quarentena em sua casa ou onde estiver hospedado e devem limitar sua viagem à compra de alimentos, produtos farmacêuticos e necessidades básicas; assistência a centros de saúde, serviços e estabelecimentos; e aqueles que obedecem a casos de força maior.

Todos os movimentos devem ser efetuados com uma máscara e devem observar todas as medidas de higiene e prevenção da transmissão da doença causada pela artéria coronária, principalmente no que se refere ao contato com as pessoas com quem vivem.

As autoridades de saúde podem entrar em contato com as pessoas em quarentena para monitorá-las, mas se tiverem sintomas suspeitos de Covid-19, devem contactar os serviços de saúde e indicar que estão em quarentena por terem vindo do exterior.

As pessoas que trabalham com transportes que atravessam fronteiras, assim como profissionais de saúde que vão realizar suas atividades de trabalho, são isentos dessas medidas, desde que não tenham contato com pessoas diagnosticadas com coronavírus.

As agências de viagens, operadores turísticos e empresas de transporte devem informar os viajantes sobre essas medidas no início do processo de venda de passagens destinadas ao território espanhol.

Em resposta, a França anunciou ontem que aplicará as mesmas medidas aos viajantes que chegarem ao país vindos da Espanha.

Por sua vez, o Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, sigla em inglês) pediu para que a Espanha busque por acordos bilaterais com outros países, como fizeram as nações vizinhas, para evitar quarentenas e reativar o turismo.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Ilha de Lesbos tem casos de Covid-19 entre refugiados
2 Rússia estabiliza a curva de contágios do coronavírus
3 Japão suspende alerta de saúde após redução da Covid
4 Europa avalia a abertura progressiva de fronteiras
5 Mulher morre após cuspida de homem com coronavírus

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.