Espanha apoia Brasil e rejeita posição de Emmanuel Macron

Alemanha também condenou qualquer sanção ao Brasil

Pleno.News - 24/08/2019 18h10

Presidente da França, Emmanuel Macron Foto: EFE/Benoit Tessier

Neste sábado (24), a Espanha fez uma declaração em apoio ao Brasil e com críticas ao presidente da França, Emmanuel Macron, por sugerir sanções ao Mercosul depois das queimadas ocorridas na floresta Amazônica.

– Para a Espanha, o objetivo de luta contra a mudança climática é um objetivo prioritário, mas consideramos que é justamente aplicando as cláusulas ambientais do Acordo que mais se pode avançar, e não propondo um bloqueio de sua ratificação que isole os países do Mercosul (…) A Espanha liderou o último impulso para a assinatura do Acordo União Européia com o Mercosul, que vai abrir enormes oportunidades para ambos os blocos regionais – disse o governo espanhol em mensagem à agência AFPA.

Assim como a Espanha, a Alemanha já havia condenado qualquer boicote aos países do Mercosul por causa das queimadas ocorridas no Brasil.


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo